Academia de Letras do Brasil empossa 34 imortais na instalação da sua seccional em Porto Seguro

Academia de Letras do Brasil empossa 34 imortais na instalação da sua seccional em Porto Seguro
25 fevereiro 09:34 2018 Imprimir esta notícia

A ALB – Academia de Letras do Brasil, instituição litero-cultural com tradição no Brasil e que desde 2001 instituiu seccionais na maioria dos municípios brasileiros e em mais de 50 países do mundo, instalou na noite na noite desta sexta-feira (23/02), no centro Cultural de Porto Seguro, o seu núcleo regional da seccional sul e extremo sul da Bahia. A abertura do evento foi marcado pela apresentação do coral “Clave do Sol” do Instituto Descobrir, dirigido pela maestrina Francis de Holanda. Na oportunidade que a ABL numa belíssima e clássica cerimônia deu posse aos seus 34 novos membros, titulares fundadores imortais vitalícios, fundadores correspondentes e embaixadores.

02 ALBA ALB – Academia de Letras do Brasil é uma entidade cultural politicamente ativa. É a primeira Academia Mundial da Ordem de Platão, que além da virtude indubitável do bom uso das Letras, também trabalha auxiliando na solução dos desafios sociais e dentre eles a evolução pela qual está vivenciando o Brasil, procurando meios para conter a corrupção que medra em nossa história. Empenha-se, também, no arrojo de estimular e criar movimentos que se detenham em fomentar pessoas politicamente engajadas contribuindo com a natural evolução e crescimento da sua cidade.

03 ALBO evento reuniu poetas, escritores, contistas, trovadores, músicos, maestros, políticos e diversas autoridades da comunidade jurídica. Representantes de várias academias do estado da Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, Brasília e Goiás se fizeram presentes. O presidente nacional da Academia de Letras do Brasil, Mário Roberto Carabajal; a primeira dama da ABL, Dinalva Carabajal; o presidente da Academia Capixaba de Letras e Artes de Poetas Trovadores, Clerio Borges; e o presidente da secional sul e extremo sul da Bahia da ALB, Robson Ramos se fizeram presentes.

04 ALBNa cerimônia de instalação da ABL em Porto Seguro, o presidente nacional Mário Roberto Carabajal e o presidente da seccional sul e extremo sul Robson Ramos empossaram como Embaixador da seccional Porto Seguro, o empresário e escritor Luigi Rotunno. Também foram empossados os presidentes das seccionais de Porto Seguro, Cícero Sena; Eunápolis/Itabela/Itamaraju, Igor Assunção; Santa Cruz Cabrália, Bruna Eugênia; Prado, Wander Noronha; Camacã, Gleudes Malaquias e Belmonte, Herculano Assis.

05 ALBDurante a cerimônia o presidente nacional da ABL, Mário Roberto Carabajal Lopes e o presidente da seccional sul e extremo sul da Bahia, Robson Santos Ramos entregaram medalhas do Mérito da Ciência Política a duas autoridades políticas da região que se destacaram na contribuição da Cultua, da Educação e da transparência política. O presidente da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, vereador Agnaldo Teixeira Barbosa, o “Agnaldo da Saúde” (PR) recebeu a honraria pessoalmente ao lado do seu filho Bruno Teixeira Barbosa.

06 ALBA prefeita do município de Prado, Mayra Brito (PP) também foi homenageada com a medalha, mas não se fez presente porque se encontrava em viagem e foi representada pela secretária Municipal de Educação de Prado, Iralucia Sincorá da Paixão. Ainda recebeu a Medalha do Mérito Litero-Cultural da ALB, o jornalista e escritor baiano Athylla Borborema, vice-presidente da ATL – Academia Teixeirense de Letras pela sua relevante contribuição educacional ao país com mais de três dezenas de livros doutrinários publicados e premiados no mundo inteiro.

07 ALB“Ao longo dos séculos a cultura e a política têm andando continuamente juntas. Por todas estas razões, estamos já agora, aqui nesta Academia de Letras do Brasil, seccional Porto Seguro, independentemente de ideologias ou de partidos políticos, de crises, de corrupções, de CPSi ou de problemas efêmeros. Estamos já agora absolutamente determinados a confirmar a nossa competência como Povo da cultura e a nossa perseverança como Povo amante da paz. O papel da ALB é interferir, ajudar, contribuir e lecionar através da arte e da cultura. Praticaremos muitas indagações sem valor para obtermos retornos valorosos, mas temos a oferecer o comprometimento. Por fim, quem não questiona não se instrui”, pontou o presidente nacional da Academia de Letras do Brasil, Mário Carabajal.

08 ALBPara o presidente da ALB na seccional sul e extremo sul da Bahia, o escritor e engenheiro civil Robson Santos Ramos que é natural de Eunápolis, mestre e doutor em Psicanálise, chanceler e doutor Honoris Causa, a Academia de Letras do Brasil chega à região do descobrimento para celebrar a vitória das artes, da cultura e da educação. “Daqui em diante, tudo o que fizermos, terá um valor maior, principalmente o valor literário, e será maior ainda a nossa visibilidade enquanto academia, enquanto acadêmicos e enquanto seres humanos. Cientes estamos do nosso valor diante das artes, das letras, da cultura e da correção política”, celebrou Robson Ramos. (Da redação TN).

  Categorias: