Acusado de violentar bebê de 4 meses em Belmonte é morto no presídio de Eunápolis

Acusado de violentar bebê de 4 meses em Belmonte é morto no presídio de Eunápolis
03 junho 10:53 2018 Imprimir esta notícia

Rairone Moura Santos, de 47 anos, acusado de violentar sexualmente uma bebê de apenas 4 meses e depois abandoná-la em uma estrada vicinal no município de Belmonte, foi encontrado morto dentro de uma cela no presídio de Eunápolis, por volta das 19h de sexta-feira,  dia 1º de junho.

Rairone foi preso após ser detido por populares no último dia 23 de fevereiro, cinco dias após ter raptado, estuprado e abandonado a criança em uma estrada vicinal de Santa Maria Eterna, distrito de Belmonte. A criança foi encontrada por um caminhoneiro e levada para o Hospital Regional de Eunápolis (HRE).

A mãe da criança já havia sido estuprada duas vezes pelo acusado antes dele violentar a criança.   Na época, a companheira de Rairone morava em Canavieiras, também no sul do estado, e estava grávida.  O crime revoltou a região.

A perícia constatou que Rairone foi espancado e morto por outros detentos dentro da cela que ele dividia com mais 18 presos. (Da redação TN)

Relacionada

Maníaco: Polícia procura homem acusado de estuprar bebê de quatro meses em Belmonte

  Categorias: