Acusado é preso com 22 pedras de crack escondidas numa caixa de fósforo em Mucuri

Acusado é preso com 22 pedras de crack escondidas numa caixa de fósforo em Mucuri
11 janeiro 10:39 2016 Imprimir esta notícia

Está preso na carceragem da 8ª Coorpin de Teixeira de Freitas, após uma ação de policiais da 89ª Companhia Independente da Polícia Militar de Itabatã, Valdir Xavier de Souza Neto, de 20 anos, morador da rua Coca Cola, no bairro Brisa do Mar, em Mucuri, flagrado em posse de 22 pedras de crack, acondicionadas em saquinhos plásticos e dentro de uma caixa de fósforo.

Segundo os policiais que efetuaram a prisão, o acusado estava em atitude suspeita na rua Almenara, próximo ao Posto 3D e tentou dispensar a droga assim que percebeu a aproximação da viatura.

brisad1Preso em flagrante, Valdir assumiu a posse do entorpecente e relatou que estava vendendo o crack ao preço de R$ 10 cada pedra. Além das 22 pedras de crack, foram apreendidos com o traficante cédulas e moedas, que totalizaram R$ 10. As últimas informações dão conta que o acusado será ouvido nos próximos dias pelo delegado Marco Antônio Neves, titular da Delegacia Especializada de Tóxicos e Entorpecentes (DTE). (Por Tyago Ramos)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.