Agnaldo da Saúde propõe viabilidade técnica para instalação do Matadouro Público de Teixeira de Freitas

Agnaldo da Saúde propõe viabilidade técnica para instalação do Matadouro Público de Teixeira de Freitas
16 julho 23:00 2017 Imprimir esta notícia

Na última sessão ordinária do primeiro semestre da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, o presidente da casa, vereador Agnaldo Teixeira Barbosa, o “Agnaldo da Saúde” (PR), apresentou, uma indicação acompanhada de um anteprojeto, propondo ao prefeito Temóteo Alves de Brito (PSD), para que o município viabilize parcerias para a construção de um “Matadouro Municipal de Bovinos e Suínos” na cidade.

A proposição indica que o Abatedouro Municipal, objetiva o abate de bovinos, suínos e animais de médio e pequeno porte, devendo o mesmo ser construído em terreno do próprio município, idealizador do plano. E que todas as despesas com a elaboração do projeto e construção da obra será de responsabilidade única e exclusiva do município, devendo o Matadouro ser edificado dentro dos padrões exigido e aprovado pelo CREA e pelos demais órgãos, garantindo a preservação ambiental, sendo que seu funcionamento deverá também obedecer as normas da Vigilância Sanitária e da Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente, inclusive de órgãos fiscalizadores, competentes para execução, inspeção e aplicação de sanções.

Para o vereador Agnaldo da Saúde, o “Matadouro Municipal de Bovinos e Suínos” teria uma importância significativa para a população de Teixeira de Freitas, pois é uma atividade que gera emprego e renda, devendo ser valorizada economicamente. O qual necessita de uma gestão municipal efetiva, que possa garantir a saúde da população, bem como do meio ambiente. Para ele, a solução seria a construção de um Matadouro Público para o município, que investiria na aquisição de equipamentos modernos, e principalmente uma reeducação e conscientização dos funcionários, produtores, marchantes e todos os envolvidos nessa atividade.

Segundo o presidente da Câmara Municipal, vereador Agnaldo da Saúde, o crescimento populacional tem demandado o pleito por produção de carne em consequência do aumento populacional de Teixeira de Freitas, juntamente com a preocupação com os impactos negativos para o meio ambiente, procura-se cada vez mais buscar alternativas de produção que prejudiquem o mínimo possível. E para a realização desse projeto será preciso usar-se toda a metodologia possível, para verificar os processos realizados no Matadouro Público, analisando os resíduos gerados e suas respectivas destinações e, consequentemente os impactos causados. (Por Athylla Borborema).

  Categorias: