Agnaldo da Saúde propõe “Viveiro Agroflorestal” para beneficiar produtores rurais e áreas degradadas

Agnaldo da Saúde propõe “Viveiro Agroflorestal” para beneficiar produtores rurais e áreas degradadas
05 março 10:16 2017 Imprimir esta notícia

O presidente da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, vereador Agnaldo Teixeira Barbosa, o “Agnaldo da Saúde” (PR), foi o autor de uma proposição legislativa em que ele indica ao Poder Executivo Municipal para que seja implantado no município um “Viveiro Municipal Agroflorestal” para servir os pequenos agricultores e aos organismos ambientais, estudantes e ambientalistas que trabalham na recuperação de áreas degradadas.

Conforme o presidente Agnaldo, o “Viveiro Municipal Agroflorestal” é para a produção de mudas de café, frutíferas e florestais-espécies exóticas e nativas para doação aos pequenos produtores rurais do município e para aplicação de modelos de restauração florestal e revitalização de áreas degradadas com base no sistema agroflorestal e na produção de mudas florestais de espécies nativas.

Segundo o vereador Agnaldo da Saúde a situação é cada dia mais preocupante com o clima e já é evidente uma maior preocupação com a questão ambiental, especialmente na região extremo sul. E que hoje são poucos os municípios brasileiros que possuem um viveiro e que Teixeira de Freitas precisa ser referência em vários aspectos e este é um deles.

Agnaldo da Saúde lembra que o aumento do desmatamento no Brasil tem aumentado em algumas regiões, lamentavelmente. E que Teixeira de Freitas precisa fazer exatamente o contrário, produzir e distribuir mudas, plantando e criando espaços verdes e recuperando a mata ciliar em toda zona urbana e rural do município.

E, sobretudo, para que o “Viveiro Municipal Agroflorestal” de Teixeira de Freitas possa produzir também mudas usadas nos projetos de paisagismo e reflorestamento mantidos pelos organismos ambientais nas áreas verdes ou calçadas e Áreas de Preservação Permanente. (Por Athylla Borborema).

  Categorias: