Ano letivo começa para 835 mil estudantes da rede estadual

Ano letivo começa para 835 mil estudantes da rede estadual
16 fevereiro 09:38 2016 Imprimir esta notícia
Muita expectativa marcou, na manhã desta segunda-feira (15), a volta às aulas dos 835 mil alunos matriculados nos 1.320 colégios estaduais da Bahia. No Colégio Estadual Rômulo Almeida, no bairro do Imbuí, em Salvador, onde estudam aproximadamente 1,5 mil alunos no ensino médio, o clima era de descontração, mas sem perder o foco nas metas. Nesta quarta-feira (17), será ministrada a aula inaugural de toda a rede. O evento, no Centro Educacional Carneiro Ribeiro, a Escola Parque, no bairro da Caixa D’água, na capital, terá participação do governador Rui Costa, com transmissão ao vivo pela TVE Bahia.
O secretário estadual da Educação, Osvaldo Barreto, esteve na unidade de ensino do Imbuí, na manhã desse primeiro dia de atividade. Na ocasião, ele reiterou os princípios do programa Educar para Transformar e fez anúncios. “Estamos ampliando o número de alunos na Educação Integral, saindo de 15 mil para 26 mil alunos, e o número de alunos na Educação Profissional, de 82 mil para 90 mil. Também ampliamos o Ensino Médio com Intermediação Tecnológica [Emitec], uma modalidade interativa de ensino que utiliza a internet e a televisão para chegarmos às áreas mais remotas do nosso estado”.

Com 16 anos e o sonho de ser nutricionista, Elizabeth Souza, moradora do Imbuí, foi uma das primeiras a chegar ao colégio. Para realizar o sonho de se tornar universitária assim que concluir o ensino médio, a jovem afirmou que vai se dedicar ainda mais nos estudos. “É uma parte da nossa vida importante, né? A escola forma a gente para a vida. Ajuda a formar a nossa personalidade e a conviver com outras pessoas”.

Felipe de Jesus, 19, estudante do 2º ano e morador da Boca do Rio, reconhece que está um pouco atrasado nos estudos e afirmou que não quer mais perder tempo. Por esta razão, promete ser um dos estudantes mais aplicados do colégio em 2016. “Os professores daqui são excelentes. O aluno que estudar de verdade, pode sair daqui até falando inglês. “Somos jovens, somos o futuro do Brasil e podemos fazer um País melhor. Temos que aprender agora para passar adiante”.

As vantagens de se dedicar nos estudos e, consequentemente, obter boas notas, foram enfatizadas aos alunos pelo diretor do colégio, Elísio Souza, logo no primeiro dia de aula. Segundo ele, os alunos que obtiverem o melhor desempenho concorrerão a vagas de estágio nos poderes Executivo e Judiciário. “Temos dois convênios com instituições estaduais, um com o Inema [Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia] e outro com o Tribunal de Justiça da Bahia [TJBA], em que a seleção dos estudantes para estágio é por mérito. São analisadas as notas e os alunos são encaminhados para entrevista. Geralmente, são selecionados para o estágio”.

Elísio informou ainda sobre outra parceria com uma ONG internacional. “Oferecemos bolsa de cursinho pré-vestibular. São dez bolsas para alunos que estão indo agora para o 3º ano, também por mérito pela melhor nota. Trinta estudantes são encaminhados para uma empresa de recursos humanos e lá, através de dinâmicas de recrutamento, são selecionados para o curso pré-vestibular”.

Não só os estudantes estavam ansiosos pela volta às aulas. Há oito anos, Jorge Valney Vasconcelos comercializa cachorros-quentes e sucos naturais na frente do colégio. Ele também mantinha a expectativa do fim das férias. “Tenho muitos amigos, aqui. Sou amigo da diretoria toda e os alunos são sensacionais. Nunca me criaram problema”. (Da redação TN)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.