Caravana da Justiça Social atendeu mais de 2600 pessoas em Porto Seguro

Caravana da Justiça Social atendeu mais de 2600 pessoas em Porto Seguro
20 agosto 11:36 2016 Imprimir esta notícia

Mais de 1200 pessoas participaram nesta sexta-feira (19) da Caravana da Justiça Social, em Porto Seguro. O dia de encerramento da ação realizada durante toda a semana no município foi marcado pelo Mutirão Social do Pacto pela Vida, realizado na Casa do Trabalhador, bairro do Baianão, articulando diversos órgãos para levar serviços de documentação civil grátis, Defensoria Pública, Passe Livre Intermunicipal, Procon, entre outros. Na área de saúde, foram realizados atendimentos do Odontomóvel e do Programa de Rastreamento ao Câncer de Mama, da Sesab. O saldo total da Caravana foi de mais de 2600 participantes do território de identidade Costa do Descobrimento.

Durante toda a manhã e início da tarde, o Mutirão Social realizou 230 agendamentos para confecção gratuita de carteira de identidade, mais de 200 certidões de casamento e nascimento, 61 carteiras de trabalho e 58 atendimentos do Passe Livre Intermunicipal. A Defensoria Pública realizou 50 atendimentos, o Procon, 230, e o posto móvel da Coelba, 30. Também aconteceram palestras da Polícia Rodoviária Federal e do Corpo de Bombeiros de Porto Seguro.

“Já estamos na sétima edição da Caravana e a ação vem se consolidando como uma prestação de serviço eficiente para a população de maior vulnerabilidade na Bahia. Passamos uma semana realizando atividades da secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social aqui no município, com o assessoramento da Assistência Social, a capacitação dos Conselheiros Tutelares e o Diálogos com a Juventude. O Governo do Estado se faz presente na vida das comunidades, prestando serviços e articulando outros entes comprometidos com a garantia dos direitos”, disse o secretário Geraldo Reis.

Mutirão Social do Pacto pela Vida – Leonildes de Jesus Almeida, 43, trouxe o filho Fernando Almeida, 18, para dar entrada nas carteiras de identidade e de trabalho no Mutirão Social do Pacto pela Vida, da Caravana da Justiça Social. “É muito bom, um atendimento ótimo, as meninas tratam a gente bem. E facilita muito, né? Porque a gente não tem o dinheiro pra pagar o documento e o transporte. Também já dei entrada no Passe Livre do meu outro filho, que tem deficiência. Com fé em Deus vou resolver tudo que vim fazer aqui”, disse.

Gabriel Alves Dias, 11 anos, tem síndrome de down e foi com sua mãe, Amanda Alves, 29, para receber o Passe Livre Intermunicipal. “Eu fiz pela internet, enviei os documentos pelos Correios. Ajuda muito, se a gente quiser ir visitar a família em Eunápolis ou em Salvador, já não vai ter essa despesa. Fiquei feliz, satisfeita, porque consegui mais um benefício para ele”, disse Amanda. O Passe Livre entregou 10 carteiras e deixou mais 19 para serem entregues pelas prefeituras de Porto Seguro e de Santa Cruz Cabrália, de forma mais ágil, a pessoas da região que já tinham solicitado o benefício.

O Procon-BA, também presente na Caravana, levou orientação sobre os direitos do consumidor. “É muito importante participarmos da Caravana, porque muitos municípios não têm o Procon municipal. Aqui em Porto Seguro está sendo feito o convênio para instalação de uma unidade e ontem fizemos a visita técnica ao local onde futuramente será instalado o serviço”, contou André Santana, técnico do Procon-BA.

No âmbito da Defensoria Pública, foram prestados atendimentos jurídicos para pessoas em situação de vulnerabilidade social. “Esses momentos de mutirão são muito importantes porque permitem que muitas pessoas cheguem até nós de uma forma mais célere, busquem uma orientação e sejam encaminhadas. Então, é levar a Defensoria até o cidadão”, disse a defensora Priscila Silva, da Vara de Família e Registros Públicos de Porto Seguro. Questões como pensão alimentícia, guarda, divórcio, retificação de registro e informação sobre o projeto Pai Responsável, que realiza exames de DNA, foram as principais demandas atendidas.

O Corpo de Bombeiros de Porto Seguro trabalhou com a prevenção de acidentes domésticos, fazendo demonstrações de como apagar incêndio em botijão de gás, como usar a panela de pressão, primeiros socorros, como lidar com engasgamentos e outros. O Corpo de Bombeiros também divulgou o número do telefone de emergência, 193. Já a Policia Rodoviária Federal falou sobre educação e prevenção de acidentes no trânsito.

“Estimamos que passaram por aqui hoje entre 1200 a 1400 pessoas, entre acompanhantes, pessoas pedindo informações sobre os serviços, curiosos que assistiram palestras, pessoas procurando empregos, os atendimentos no CRAS para Bolsa família, BPC, Passe Livre etc. Foi um dos maiores eventos da Caravana da Justiça Social em termos quantitativos”, disse a técnica da SJDHDS responsável pelo controle da entrada de pessoal e encaminhamento aos serviços, Gorette Depine. (Da redação TN)

 

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.