Comeu, bebeu, dormiu, não pagou a conta e terminou preso em Mucuri

Comeu, bebeu, dormiu, não pagou a conta e terminou preso em Mucuri
10 maio 11:19 2018 Imprimir esta notícia

Um homem foi preso em Mucuri, na tarde desta quarta-feira (9), depois de ter sido acusado de estelionato por dois proprietários de hotéis da cidade.  Everton da Silva Santos, de 29 anos, segundo a denúncia, se hospedava como comerciante e com documentos falsos.  Depois de consumir e aproveitar as regalias e noites nos hotéis o mesmo saía sem pagar a conta.

Segundo os donos dos hotéis, Everton deixou uma dívida avaliada em R$ 400,00 em consumo, além das hospedagens. As vítimas não desconfiaram do acusado que se apresentava de maneira educada e falando de viagens a trabalho que estaria realizando na região.

Mas o acusado não teve a mesma sorte no último golpe, pois ao perceber que o mesmo estava tentando sair da pousada sem pagar o dono do estabelecimento ligou para a Polícia Militar que compareceu ao local e constatou que Everton estava praticando  o mesmo crime há alguns dias em outros hotéis e pousadas da cidade. O mesmo foi encaminhado para à Delegacia Territorial de Mucuri (DT) e lá foi descoberto que além dos golpes  o acusado  também portava documentos falsos para não ser rastreado pela polícia.

As últimas informações dão conta que Everton da Silva Santos, de 29 anos, foi indiciado por estelionato e falsidade ideológica. Ele está preso à disposição da Justiça. (Da redação TN)

  Categorias: