Contra portaria, pescadores fecham canal em Porto e interditam BR-101, entre Posto da Mata e Itabatã

22 abril 10:05 2017 Imprimir esta notícia


Na região os protestos começaram no início da manhã desta sexta-feira (21), em Porto Seguro, onde pescadores, marisqueiros e donos de restaurantes ocuparam o canal das balsas. Os manifestantes são contra a portaria 445/2014, publicada pelo Ministério do Meio Ambiente, que proíbe a pesca, transporte e comercialização de mais de 450 espécies de peixes e invertebrados da fauna brasileira ameaçados de extinção.

O grupo usou barcos para fechar o acesso ao canal e protestou no local. O manifestantes também prepararam um abaixo assinado que foi entregue à prefeita Claudia Oliveira, para ser repassado ao senador Otto Alencar.

Por volta das 9h30 o protesto foi encerrado e o canal das balsas foi liberado pelos manifestantes. A portaria é datada em 2014 e foi publicada no Diário Oficial da União. De acordo com os pescadores, a fiscalização começou apenas nas últimas semanas.

pesca1Ainda na região, no meio da manhã, pescadores de Mucuri, Nova Viçosa, Caravelas, Prado e Alcobaça, interditaram a BR-101, próximo ao Distrito de Posto da Mata. Eles atearam fogo em pneus velhos e foi formado um longo congestionamento nos dois sentidos da rodovia. No fim da manhã o tráfego foi liberado e os pescadores não descartaram a possibilidade de realização de outros manifestos. (Por Ronildo Brito)

  Categorias: