Estado convoca mais 1.015 professores aprovados na seleção Reda

Estado convoca mais 1.015 professores aprovados na seleção Reda
18 janeiro 19:56 2016 Imprimir esta notícia

A Secretaria da Educação do Estado está convocando mais 1.015 professores aprovados no Processo Seletivo Simplificado pelo Regime Especial de Direito Administrativo (Reda), que irão atuar na Educação Básica. Até agora, 3.891 professores já foram convocados. A ação faz parte do programa Educar para Transformar, que visa melhorar a educação pública na Bahia. A relação com os nomes dos novos convocados está disponível na edição do dia 16 de janeiro do Diário Oficial, e também pode ser acessada no Portal da Educação

O secretário estadual da Educação, Osvaldo Barreto, destacou que a contratação dos professores Reda vai trazer vários benefícios para os estudantes. “Com os professores, que passaram por uma seleção, estamos garantindo a segunda meta do programa Educar para Transformar, que busca garantir que todas as crianças e jovens tenham desempenho adequado às suas séries e sucesso na trajetória escolar”.

Barreto ainda afirmou que “os professores irão fazer parte do sistema integrado de recursos humanos do Estado, tendo vantagens como o pagamento previsto em tabela publicada pela Secretaria da Fazenda do Estado, ao plano de saúde Planserv, e terão direito ao 13º salário e férias após um ano de trabalho”, afirmou.

A partir da convocação, o professor tem um prazo de dez dias para assumir o cargo. Caso não o faça, abrirá o precedente para a convocação de outros aprovados, de acordo com o número de vagas que foram disponibilizadas. Das 6.145 vagas destinadas para esta seleção Reda, 4.616 são para a Educação Básica, 1.282 para a Educação Profissional e 247 para a Educação Indígena. Deste total, 30% das vagas foram reservadas aos candidatos negros e 5% às pessoas com deficiência. (Da redação TN)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.