Governo de Minas lança edital para inserir agricultura familiar na merenda escolar

Governo de Minas lança edital para inserir agricultura familiar na merenda escolar
02 abril 23:13 2018 Imprimir esta notícia

O governo de Minas lançou editais para incrementar a merenda de 253 escolas estaduais de 27 municípios do estado com produtos vindos da agricultura familiar. A iniciativa pretende trazer para as unidades de ensino verduras, legumes, café, quitandas e carnes produzidos por produtores do campo e, assim, combater a pobreza e fortalecer a modalidade.

Segundo o governo do estado, os editais integram o projeto Novos Encontros e a previsão é que sejam adquiridas 570 toneldas de alimentos, o que equivale a R$ 2,7 milhões.

Do total destinado à merenda escolar, 30%, no mínimo, será preenchido com compra de alimentos da agricultura familiar. Será atendidas 759 escolas pública. Serão privilegiados produtos típicos de cada região.

Para isso, o projeto teve parceria com o Sebrae, que acompanhou e sistematizou o mapa de oferta e demanda e a Emater que providenciou a lista com os produtores de cada região e os itens que são cultivados por eles.

A Estratégia de Enfrentamento da Pobreza no Campo é coordenada pela Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Social (Sedese) e tem a participação das secretarias de Educação (SEE), de Planejamento e Gestão (Seplag) e parceria com as secretarias de Desenvolvimento Agrário (Seda) e de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa).

De acordo com o secretário de Planejamento e Gestão, Helvécio Magalhães, a medida mescla duas frentes: a qualidade da merenda e a valorização do pequeno produtor. (Informações: Estado de Minas)

  Categorias: