Instituto Cocobongo arrecada cobertores e peças em bom estado para doação às famílias de baixa renda de Itamaraju

Instituto Cocobongo arrecada cobertores e peças em bom estado para doação às famílias de baixa renda de Itamaraju
13 julho 09:51 2018 Imprimir esta notícia

A cidade de Itamaraju é talvez a que mais o frio marca presença durante o inverno, ajudada pela geografia com muitas montanhas e cercada por três gigantes reservas florestais (Parque Nacional de Monte Pascoal, Parque Nacional do Descobrimento e Reserva Florestal do Monte Pescoço). E o frio termina de certa forma sendo uma estação que preocupa a sociedade em relação às pessoas de baixa renda que nesta época fica sem um agasalho adequado para se aquecer.

agad2Desde 2014, que o Instituto CocoBongo, instituição jurídica sem fins lucrativos que cuida de políticas públicas sociais e culturais no município de Itamaraju, tem a iniciativa de todo ano desenvolver a campanha do agasalho, objetivando arrecadar roupas e cobertores para as famílias de baixa renda dos bairros periféricos da cidade. Este ano, por exemplo, a iniciativa do Instituto CocoBongo arrecadou cobertores novos e peças em bom estado para doação.

O Instituto CocoBongo utilizou vários pontos de coleta e com seus colaboradores conseguiu distribuir centenas de peças para famílias cadastradas nas principais entidades de assistência social da cidade. As peças foram entregues aos dirigentes de associações e entidades filantrópicas para redistribui-las, mas muitas outras foram entregues pelos próprios membros e voluntários do Instituto CocoBongo diretamente as famílias beneficiadas pelas doações.

agad1Conforme o empresário Cássio Marchesini, patrono do Instituto CocoBongo, o objetivo da Campanha do Agasalho, que este ano foi batizada de “Gente Boa Doa”,  é coletar o maior número possível de roupas, calçados, agasalhos e cobertas para suprir as necessidades de famílias e pessoas carentes do município. Bem como, na época do frio, diminuir o sofrimento daqueles que não tem como se aquecer e amparar todos aqueles em estado de vulnerabilidade social.

agad“A nossa iniciativa é um movimento da sociedade. Este é o nosso desafio, aquecer Itamaraju em um movimento de solidariedade. A solidariedade é o sentimento que melhor expressa o respeito pela dignidade humana. O bem é uma coisa que deve ser percebida e nossa motivação e movida pela vontade de servir com ações de cidadania e assistência social. Quero agradecer aos padrinhos, aos comerciantes, aos amigos, aos companheiros do nosso Instituto e a todos que se mobilizam para que a gente tenha sempre um processo rápido, porque o frio não espera e tão logo arrecadamos, já promovemos as doações imediatamente a todos que precisam”, salientou o presidente Cássio Marchesini, presidente do Instituto CocoBongo. (Por Athylla Borborema)

  Categorias: