Jucuruçu mais uma vez reuniu gerações na sua tradicional festa de São João

Jucuruçu mais uma vez reuniu gerações na sua tradicional festa de São João
29 junho 18:01 2018 Imprimir esta notícia

O mais tradicional São João da região do extremo sul da Bahia, na cidade de Jucuruçu, teve este ano apenas dois dias de festa, mas mesmo assim reuniu uma multidão no ‘Arraiá Municipá’, na Praça Isabel, na cidade baixa. Local que foi adaptado pela atual administração municipal para o evento com melhor espaço e melhor visão para o público de todas as partes da área de shows.

O São João de Jucuruçu tem uma tradição de 50 anos, desde que o local se chamava “Chumbo” quando era distrito de Itamaraju, mas com a emancipação do seu território em 24 de fevereiro de 1989, o local passou a se chamar Jucuruçu numa junção indígena de Água, Mata e Pedra, e a sua festa de São João ganhou notoriedade e independência anual e desde o nascimento do município que Jucuruçu nunca deixou de realizar a sua festa de São João.

munic7Em 2018, o São João de Jucuruçu que aconteceu nos últimos dias 22 e 23 de junho, a prefeita Uberlândia Carmos Pereira (PSD), disse que este ano foi possível realizar somente dois dias de festa, no intuito conter gastos e dar atenção a outros setores do município, mas mesmo assim conseguiu planejar as finanças públicas para não deixar a população sem a sua maior festa popular que todos os anos atraem pessoas da Bahia, Minas Gerais e Espírito Santo, gerando emprego, renda e muita diversão tanto para os moradores, quanto para os visitantes.

munic6A prefeita Uberlândia Pereira disse que houve apenas uma grande contratação, mas num valor bem ao alcance das finanças do município, mas as demais atrações musicais ela priorizou em contratar os artistas regionais para que a população tivesse uma festa bem típica para a ocasião e que o município gastasse menos com o evento, e ao mesmo tempo não deixasse de realizar a tão esperada festa junina da região.

munic5Este ano a prefeita Uberlândia Pereira e o seu vice-prefeito Erlei da Silva Fernandes (PSL) receberam na festa muitas visitas ilustres e políticos importantes, entre eles: o deputado federal Ronaldo Carletto (PP); deputado federal Mário Negromonte Filho (PP); o prefeito de Eunápolis, Robério Oliveira (PSD); a prefeita de Porto Seguro, Cláudia Oliveira (PSD); o vice-prefeito de Itamaraju, Téa Pires (PRTB); a pré-candidata a deputada estadual Larissa Oliveira (PSD) e muitos outros.

munic4Além do tradicional festa de São João de Jucuruçu, a cidade nesta ocasião é tomada por movimentos festivos e blocos de ruas que movimentam as praças e avenidas dia e noite, puxados por veículos elétricos com bandas ao vivo. Os blocos mais tradicionais da cidade são: Formiguinha, Soh dá Nois, Muquiranas, Jangada e Tulipas.

munic3Por sua vez a Prefeitura Municipal aplicou uma bela ornamentação e montou uma grande estrutura junina na Praça de Eventos, além de ter oferecido boas condições para que o “Arraiá Municipá” sediasse as mais tradicionais barracas de comidas típicas, concursos juninos, quadrilhas de São João e as mais variadas brincadeiras desta época da fogueira.

munic2O público não se intimidou com o frio típico desta época em Jucuruçu “de 14 graus” e foi conferir de perto o show apaixonado do cantor Amado Batista, ponto alto da festa. O cantor Dan Ventura subiu no palco e animou os forrozeiros que chegaram para a primeira noite de música.

munic1A Banda Fifó Aceso fez releituras de canções conhecidas do repertório nordestino e também entoou músicas próprias. O cantor Osnir Alves colocou os fãs para cantar e dançar ao som de suas canções. O cantor Léo Marrony e a dupla André Lima & Rafael produziram as últimas horas da festa com muita música boa e deixaram o público com saudade e torcendo pela chegada logo do São João de 2019.

municPara a prefeita Uberlândia Pereira, a cultura junina é responsável pela união de gerações e mais gerações no nordeste brasileiro e esta cultura não é diferente em Jucuruçu. “O poder público tem a obrigação de aproximar as matrizes culturais com seu povo e sua gente e Jucuruçu tem feito isso ao longo dos anos e no nosso mandato temos cuidado do nosso calendário cultural com muito carinho”, disse Uberlândia. (Por Athylla Borborema)

  Categorias: