Manoelzinho assina convênio inédito com o SEBRAE para cursos de capacitação em Nova Viçosa

Manoelzinho assina convênio inédito com o SEBRAE para cursos de capacitação em Nova Viçosa
19 junho 11:15 2018 Imprimir esta notícia

Com o objetivo de aumentar a empregabilidade e a capacidade empreendedora de quem busca uma nova oportunidade no mercado, a Prefeitura de Nova Viçosa já está colocando em prática os primeiros cursos e palestras decorrentes de um convênio inédito firmado com o SEBRAE – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Dentre as propostas por solicitação do município, entre os objetivos está à criação da sala do empreendedor, oferecendo qualificação aos servidores e empresários para o fortalecimento das compras públicas no comércio local. E a implantação ainda da REDE SIM, a qual chega para facilitar e agilizar a abertura de empresas no município.

O convênio prevê a realização de palestras com temas em seminários abertos, específicos para micro empresarial e individual, cursos de capacitações empresariais para todos os níveis de empreendedorismo, programas de compras e capacitação do corpo técnico da Prefeitura Municipal e das empresas estabelecidas no município. Os cursos referem-se a temas como gestão de negócios empreendedores, oportunidades do mercado e lucratividade e plano de negócios. Tanto as palestras quanto os cursos são totalmente gratuitos. O convênio também visa o fomento de políticas públicas de apoio a produtores rurais e empreendedores. A parceria deve aumentar o número de empresas participando das licitações municipais.

Para o prefeito Manoel Costa Almeida, o “Manoelzinho” (DEM), é fundamental a parceria com o SEBRAE para atender a demanda de um município empreendedor, como Nova Viçosa. “Os nossos alunos sempre nos solicitaram cursos de qualidade e voltados para a empregabilidade e empreendedorismo. Agora assinamos um termo de cooperação técnica para o fortalecimento das micro e pequenas empresas do município, para fortalecer o próprio corpo técnico do município, das empresas e oferecer oportunidade a quem precisa de oportunidade”, salienta o prefeito Manoelzinho.

Para Alex Brito, gerente regional do SEBRAE no extremo sul da Bahia, em Nova Viçosa o SEBRAE pretende ampliar a participação em eventos e a oferta de cursos de capacitação, sugerir novas linhas que possam atender as demandas atuais do município e fomentar a elaboração de planos de negócios sistematizados, visando estimular a economia e identificar os mercados estratégicos para expandir a geração de emprego e renda e, sobretudo, qualificar a mão de obra pública e privada. Outro aspecto importante é o ganho da população com a desburocratização dos serviços e compras por parte do próprio município, inclusive sobre a descentralização da merenda escolar, onde o dinheiro é repassado aos diretores e eles compram na comunidade, objetivando aumentar o número de compras que priorizam a pequena empresa ou o pequeno produtor.

O secretário Municipal de Indústria e Comércio de Nova Viçosa, Jorge Cunha lembra que o convênio vai trazer vários ganhos para os pequenos empresários do município de Nova Viçosa, incluindo a desburocratização e a maior facilidade na hora de abrir ou encerrar uma empresa. Já o prefeito prometeu rever a carga tributária de micro e pequenas empresas visando beneficiar o pequeno. Entendemos que há muitas distorções e estamos buscando revisar isso. “Vamos melhorar nossas ferramentas para ajudar ainda mais as pessoas a conseguirem fazer quase a totalidade dos seus serviços pela internet”.

Diante desse convênio com o SEBRAE o prefeito Manoelzinho ainda pretende enriquecer o conhecimento pessoal do empreendedor da próxima geração, estimulando o pioneirismo nas escolas municipais. “Ao oferecemos esta ação nas escolas municipais, oportunizaremos aos alunos o acesso a um tipo de metodologia que vai ensiná-los a buscarem e se organizarem para a conquista de sua autonomia financeira, para que construam e conquistem os seus projetos de vida e, consequentemente, tenham um espírito empreendedor aguçado à construção econômica de Nova Viçosa no futuro. Sem dúvida, uma grande oportunidade aos jovens para uma atuação mais reflexiva, planejada, inovadora e empreendedora frente à sociedade”, almejou. (Por Athylla Borborema)

  Categorias: