Manoelzinho se reúne com ministro Helder Barbalho na busca pela reconstrução de áreas públicas danificadas pelas chuvas de fevereiro

Manoelzinho se reúne com ministro Helder Barbalho na busca pela reconstrução de áreas públicas danificadas pelas chuvas de fevereiro
16 março 12:12 2018 Imprimir esta notícia

O prefeito de Nova Viçosa, Manoel Costa Almeida, o “Manoelzinho” (DEM) se reuniu numa audiência em Brasília com o ministro da Integração Nacional, Helder Zahluth Barbalho e com o deputado federal José Carlos Aleluia (DEM). Na pauta o prefeito Manoelzinho foi dialogar com o ministro Helder Barbalho em relação à liberação da verba que será destinado ao distrito de Posto da Mata, que sofreu graves danos públicos e particulares com o temporal do início do mês de fevereiro.

O decreto de Situação de Emergência em decorrência das chuvas que atingiram o município entre os dias 02 e 04 de fevereiro, foi assinado no  dia 9 de fevereiro e tem efeito apenas sobre às áreas atingidas onde a Defesa Civil em visita técnica listou como críticas, apenas alguns bairros da zona oeste do distrito de Posto da Mata e outras 5 localidades da zona rural do município foram listados. Além do Estado, na época o prefeito Manoelzinho também solicitou o reconhecimento de Situação de Emergência ao Governo Federal.

Por ocasião o prefeito Manoelzinho disse da necessidade do decreto, mas que só houve a viabilidade depois dos pareceres da Defesa Civil que esteve no município para acompanhar a destruição causada em prédios públicos e imóveis particulares dos moradores. Tendo constado que ainda mesmo com as condições adversas vividas pela população de Nova Viçosa por ocasião, também na sede do município, as observações não foram de estado característico para se observar o estado de emergência. “Não poderíamos emitir um decreto sem antes saber em qual tipo de desastre classificar, por isso, o parecer técnico da Defesa Civil, que classificou e codificou o desastre ocorrido como “enxurradas” e pontuou as áreas mais graves e registrou os danos”, falou na ocasião.

Na audiência com o ministro Helder Barbalho, em Brasília, o prefeito Manoelzinho e o deputado federal José Carlos Aleluia, ouviram a sinalização que o Ministério da Integração Nacional prestará o devido auxílio à população atingida e também contribuirá para restabelecer os órgãos públicos destruídos ou danificados pelas fortes chuvas de fevereiro, especialmente as creches municipais.

O ministro da Integração Nacional afirmou que para agilizar as ações reconheceu, sumariamente, a situação de emergência no distrito de Posto da Mata e no interior de Nova Viçosa. A avaliação por procedimento sumário, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) e com a medida, será possível que a Prefeitura de Nova Viçosa possa solicitar recursos da União para ações de resposta (socorro, assistência às vítimas e restabelecimento de serviços essenciais) e reconstrução de áreas públicas danificadas. (Por Athylla Borborema)

  Categorias: