Imortais da Academia Teixeirense de Letras lamentam a morte de Frans Krajcberg

Imortais da Academia Teixeirense de Letras lamentam a morte de Frans Krajcberg
18 novembro 15:21 2017 Imprimir esta notícia

Os membros imortais da ATL – Academia Teixeirense de Letras, lamentaram a morte do escultor e artista plástico Frans Krajcberg ocorrida na tarde da última quarta-feira (15), aos 96 anos, na cidade do Rio de Janeiro. O poeta e jornalista Almir Zarfeg, presidente da ATL, divulgou uma nota em nome do colegiado da Academia, lamentando profundamente a morte do fascinante artista plástico.

Em sua página no Facebook, Zarfeg escreveu que Krajcberg foi “pioneiro da arte ecológica e inspirador dos movimentos ecológicos que eclodiriam e marcariam os novos tempos, ele foi pintor, escultor, gravurista e fotógrafo. Enfim, foi grande”.

E acrescentou: “Em 2009, eu tive a honra de visitá-lo para uma longa entrevista que, depois, seria publicada no meu livro ‘Zarfeguian@s’, de 2011”.

acad1Zarfeg, que preside a Academia Teixeirense de Letras, falou também do projeto da ATL de homenagear “em grande estilo” o centenário de nascimento do grande artista. As homenagens estão mantidas, mas serão realizadas postumamente.

“Em nome dos confrades e confreiras da ATL, quero lamentar profundamente a morte do grande Krajcberg. Ele se foi, mas ficam a grandeza de sua obra e a saudade”, concluiu.

O conto zarfeguiano premiado “Lar doce lar” foi inspirado na Casa da Árvore do artista plástico, localizada no Sítio Natura, em Nova Viçosa (BA). Ouça abaixo: https://soundcloud.com/almir-zarfeg/lar-doce-lar.  – (Da redação TN)

  Categorias: