Mulher assume pela primeira vez uma Companhia da PM na Bahia

Mulher assume pela primeira vez uma Companhia da PM na Bahia
23 julho 08:14 2016 Imprimir esta notícia
O policiamento da região do Rio Vermelho e Ondina, bairros que compreendem parte da orla de Salvador, agora está sob o comando da major Cleydi Milanezi, que assumiu a 12ª Companhia Independente da Polícia Militar da Bahia, nesta sexta-feira (22). Ela foi conduzida ao posto em solenidade realizada no Hotel Mercure e substitui o major André Ricardo, que comandou a companhia por mais de quatro anos e assumirá agora, como subcomandante, o Batalhão de Polícia de Reforço Operacional (BPRO).

“Os turistas e as olimpíadas estão chegando; na nossa área temos grandes hotéis, mas estamos preparados. Também estamos no berço do policiamento comunitário, que é algo que a gente precisa fortalecer em parceria com as comunidades”, disse a major. Ela afirma ainda ser natural o frio na barriga ao assumir a nova responsabilidade. “Cheguei ao posto de major, que pede comando. O primeiro passo é dar continuidade ao trabalho do major André, e vou implementando novas ações com o passar do tempo”, revelou.

Para o comandante do Policiamento Regional da Capital Atlântico, coronel Kerjean Lopes, a PM está quebrando mais um paradigma. “A todo momento observamos as mulheres galgando postos elevados nas organizações e não poderia ser diferente na Polícia Militar. A major Milanezi é a primeira oficiala superior a comandar uma companhia independente e ela vem com uma expectativa muito boa da tropa, que está depositando uma confiança muito grande no trabalho dela”.

Inspiração

Com 46 anos, há 20 na corporação, a nova comandante é uma das oito mulheres que ocupam o posto de major na PM da Bahia. Alunas do Colégio da Polícia Militar, que sonham um dia ingressar na corporação, se inspiram no exemplo de Milanezi, ex-vice-diretora adjunta da instituição. Larissa Oliveira, 16, do segundo ano do Ensino Médio, diz que as mulheres devem ocupar lugares importantes no espaço de trabalho. “É uma inspiração para nós alunas, mostra que as mulheres podem conseguir um posto de comando. Ela ajudou muito a melhorar o Colégio da Polícia Militar da Ribeira, onde foi diretora. É uma mulher maravilhosa e estudiosa, por isso conquistou o posto”, destacou a aluna. (Da redação TN)

 

  Categorias: