Nova legislatura da Câmara de Mucuri se reúne para primeira sessão ordinária

Nova legislatura da Câmara de Mucuri se reúne para primeira sessão ordinária
Zé do Boi - Atual presidente da Câmara Municipal de Mucuri
13 fevereiro 17:07 2017 Imprimir esta notícia

Está agendada para esta terça-feira (14) a primeira sessão ordinária da nova legislatura da Câmara de Mucuri. A abertura dos trabalhos acontecerá as 18h desta terça-feira, dia 14, no plenário da Casa do Cidadão. A pauta da primeira sessão traz 5 indicações, 3 pedidos de providências e 1 projeto de resolução.

Os vereadores Aguinaldo do Sem Teto (PT), Celio Pebas (PSL), Hélio da Fisioterapia (PSDB), Leninha (PSC), Saullo (PSL), Xandão Seixas (PSC) e Zé do Boi (PMDB) são autores das indicações 001, 002 e 003/17. A primeira diz respeito a convênios entre a Prefeitura e entidades filantrópicas. Os vereadores citam como exemplo a parceria com a Apae, Asca, Lar dos Idosos e Colônia de Pescadores, que criaram oportunidades de desenvolvimento socioeconômico, psicológico, cultural e humano, e pedem ao prefeito que essas parcerias sejam mantidas.

A indicação de nº 002/17 sugere criar o Programa Farmácia Básica Municipal. Diferente do programa federal Farmácia Popular, em que o paciente adquire alguns medicamentos com desconto e até gratuitamente, o Farmácia Básica garantiria aos pacientes poderem adquirir medicamentos gratuitos também em farmácias comerciais.

Os sete vereadores também apresentarão como indicação ao governo municipal a realização de audiências públicas para a elaboração do Plano Plurianual (PPA). É o que pede a indicação 003/17. Neste ano, o Executivo Municipal encaminhará à Câmara a proposta do Plano que elencará as prioridades orçamentárias do quadriênio 2018\2021. Para decidir quais serão essas prioridades, os vereadores querem que a população seja escutada através de audiências públicas.

O Vereador Saullo é autor do Indicação 004/17, que pede que uma área no bairro Triângulo Leal, em Itabatã, conhecida como “espaço cidadão”, e de poder da prefeitura, seja utilizado para construir uma creche.

A última indicação da pauta ordinária (005/17) é de autoria dos 13 vereadores. Eles pedem a institucionalização do ensino agrícola primário no local onde funcionava o alojamento da Suzano Papel e Celulose, em Itabatã. Segundo a indicação assinada pelos sete vereadores, a finalidade da escola agrícola de Mucuri seria criar, manter e administrar um estabelecimento agrícola destinado, de preferência, a jovens filhos de pequenos agricultores que demonstram vocação rural.

O pedido de providência 001/17 tem a autoria da Vereadora Leninha, que pede a reforma e revitalização da praça do bairro Brisas do Mar, na Sede. Segundo a vereadora, a proteção de tela do campo de areia está deteriorada e a iluminação carece de reparos.

O vereador Saullo pede a manutenção e melhoria na iluminação pública de Itabatã, através de Pedido de Providência 002/17.

Os vereadores Adaias Pereira dos Santos (PDT), Leninha e Saullo solicitam ao governo municipal através do Pedido de Providência 003/17 a manutenção e reparos no sinal de telefonia celular em Taquarinha.

Por fim, o Vereador Saullo propõe que seja realizada uma sessão solene em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, no dia 8 de Março. A proposta está no Projeto de Resolução 003/17. (Da redação TN)

  Categorias: