PM apreende veículo “dublê” em Itamaraju; carro original foi roubado no Espírito Santo

PM apreende veículo “dublê” em Itamaraju; carro original foi roubado no Espírito Santo
21 janeiro 12:48 2016 Imprimir esta notícia

Na noite desta quarta-feira, dia 20 de janeiro, policiais do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO), guarnição especializada da 43ª Companhia Independente da Polícia Militar de Itamaraju (CIPM), durante rondas de rotina, desconfiaram de um veículo Chevrolet Agile, de cor branca, placa NZA-4914, licenciado de Salvador-Ba., que estava parado na rua Almirante Barroso, na região central da cidade.

Com a suspeita os militares resolveram pedir a documentação do carro ao suposto proprietário, momento que desconfiaram da sua autenticidade.

Pouco tempo depois os policiais detiveram o proprietário, que se identificou como comerciante e fizeram a condução dele juntamente com o veículo à Delegacia da Polícia Civil (DEPOL), onde foram feitas buscas nos sistemas MOP e Infoseg.

De imediato, com base na numeração do chassi, foi constatado que o Agile possuía restrição de roubo e ao contrário da placa que estava nele (NZA-4914/Salvador), o emplacamento original era OCX-6986/São Mateus-ES., onde fora roubado e na época o dono acabou sendo vítima de um sequestro relâmpago.

agiled1O acusado encontrado com o “dublê”, que não teve o nome revelado, teria comprado o Agile pensando que o mesmo era legal, apesar de assumir ter pago um valor abaixo do mercado.

A delegada Rosângela Santos, titular da Polícia Civil de Itamaraju e que está à frente das investigações do caso, agora quer saber quem foi a pessoa que vendeu o veículo. O homem encontrado em posse do carro deve responder pelo crime de receptação. (Por Ronildo Brito / Fotos: Lênio Cidreira)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.