Teixeira de Freitas: Assassinato de empresário pode ter sido por motivos passionais

Teixeira de Freitas: Assassinato de empresário pode ter sido por motivos passionais
Polícia está mobilizada para esclarecer assassinato ousado
18 junho 19:57 2018 Imprimir esta notícia

Desde o início da manhã desta segunda-feira, dia 18 de junho, que o Núcleo de Homicídio e Tráfico (NHT), liderado pelo delegado Manoel Andreeta, trabalha para elucidar o assassinato do empresário Luciano Francisco da Silva, de 59 anos de idade, alvejado com seis disparos de arma de fogo, crime ocorrido por volta das 7h, numa rua lateral à avenida Padre Ancheita, no bairro Jardim Caraípe, ao lado do Hipermercado GBarbosa, região central de Teixeira de Freitas.

Testemunhas disseram à polícia que Luciano seguia de bicicleta para abrir sua loja Sacolão Center (antiga Sacola Cheia), na avenida Getúlio Vargas e quando passava pela rua lateral ao GBarbosa, bem próximo do apartamento onde residia, foi alvejado por dois tiros. Com o impacto dos projéteis o comerciante caiu e apesar de ter entrado em luta corporal com o atirador, foi acertado por mais quatro disparos.

Instantes depois a vítima acabou socorrida ao Hospital Municipal de Teixeira de Freitas (HMTF), onde antes de morrer, ainda conseguiu fornecer a identidade do suposto assassino para testemunhas.

Na tarde desta segunda-feira (18) a reportagem conseguiu apurar que os policiais civis da 8ª Coorpin, realizavam buscas pelo suposto assassino, que não foi localizado. A polícia já levantou a informação que o acusado já vinha seguindo o empresário e que sua morte pode ter sido motivada por questões passionais. (Da redação TN)

  Categorias: