Polícia “estoura” ponto de venda de drogas, mas acusado foge em Medeiros Neto; irmã e namorada são detidas

Polícia “estoura” ponto de venda de drogas, mas acusado foge em Medeiros Neto; irmã e namorada são detidas
29 janeiro 13:21 2016 Imprimir esta notícia

Na noite desta quinta-feira, dia 28 de janeiro, após denúncia anônima, policiais da 44ª Companhia Independente da Polícia Militar de Medeiros Neto (CIPM), deslocaram-se à rua da Matriz, nº 147, onde estaria funcionando um ponto de venda de drogas, com grande movimentação de viciados e traficantes.

Segundo a PM, o dono da “boca” é Sávio de Jesus Santos, de 19 anos, que já registraria várias passagens na Delegacia da Polícia Civil local. O traficante teria sido avisado por um comparsa através do celular e conseguiu escapar.

saviod1No imóvel os militares detiveram Yasmin Lima de Souza, de 19 anos, que seria namorada de Sávio e apreenderam uma menor irmã do suspeito, essa que teria agredido os policiais para evitar que os mesmos fizessem buscas no interior da casa.

Mesmo assim a guarnição do 1º Pelotão conseguiu ter acesso ao interior da residência de Sávio, onde localizaram e apreenderam dois pacotes de cocaína, 54 buchas e mais um tablete de maconha, R$ 69 em espécie, quatro celulares, dois relógios e um videogame. No local ainda foram apreendidos dois cartuchos deflagrados e pistola 9 milímetros.

saviod2A droga, as cápsulas e a maior, foram apresentadas à Delegacia da Polícia Civil de Medeiros Neto (DEPOL), enquanto a menor, terminou sendo entregue ao Conselho Tutelar. Se indicada pelo delegado Gean Nascimento, que está respondendo interinamente pela Polícia Civil no município de Medeiros Neto, Yasmin Lima de Souza, de 19 anos, deverá ser recambiada ao Conjunto Penal de Teixeira de Freitas (CPTF), ficando à disposição da Justiça. A polícia tenta agora localizar e prender Sávio de Jesus Santos, de 19 anos, que teria uma função de gerente no tráfico de drogas em Medeiros Neto. (Com informações do MedeirosDiaaDia)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.