Salvador: Secretaria de Saúde confirma mais dois casos da ‘doença misteriosa’

21 dezembro 23:09 2016 Imprimir esta notícia

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Salvador confirmou, nesta quarta-feira (21), mais dois casos suspeitos de Mialgia Aguda. De acordo com o órgão, agora são 24 pacientes com a chamada “doença misteriosa” no estado. Ainda segundo a pasta, os casos foram notificados pelo Centro de Informações Estratégicas Vigilância em Saúde (CIEVS/SSA).

A SMS informou ainda que estão sendo realizadas investigações para descobrir aos locais onde os pacientes foram atendidos bem como se os mesmos comeram carne de peixe. Uma vez que o consumo de determinados pescados vem sendo suspeito de provocar a doença.

De acordo com a Coordenadora de Vigilância da Saúde do Município, Drª Isabel Guimarães, dos 24 casos suspeitos, amostras de 11 pacientes já foram coletadas e estão sendo investigadas. Os resultados, no entanto, ainda são inconclusivos. “Estamos aguardando os resultados. Uma das suspeitas é vírus, porém, não há nada confirmado ainda”, disse Isabel.

Dores intensas
A doença misteriosa causa fortes dores musculares e deixa a urina preta. Segundo o médico infectologista Antônio Bandeira, um dos pacientes chegou ao quadro de insuficiência renal. A dor muscular é causada por uma infecção viral e afeta a parte superior do abdômen e do tórax inferior.

A dor é caracterizada como espasmódica e desenvolve-se de repente, piorando a cada movimento e respiração profunda, causando falta de ar para o indivíduo afetado (no surto em questão os casos não apresentaram comprometimento respiratório). Por vezes provoca dor abdominal, febre, dor de cabeça, dor de garganta e dores musculares. A transmissão ocorre por meio fecal-oral ou, menos comumente, de pessoa-pessoa, através de gotículas ou objetos contaminados. (Informações: Correio)

  Categorias: