Secretário de Saúde diz que o maior desafio do verão será combater o mosquito em Nova Viçosa

Secretário de Saúde diz que o maior desafio do verão será combater o mosquito em Nova Viçosa
14 dezembro 08:38 2016 Imprimir esta notícia

A cidade de Nova Viçosa está se preparando para receber seus milhares de turistas que todos os anos lotam suas praias a procura de sol, sombra, boa culinária, descanso merecido e festa dia e noite. Além dos atrativos festivos e naturais, Nova Viçosa também recebe neste período um grande reforço policial para atuar na cidade durante os três meses do verão, especial no período que compreende do reveillon ao carnaval.

Conforme o prefeito Manoel Costa Almeida, o “Manoelzinho da Madeira” (DEM), estão sendo planejadas às adequações e tomadas todas as medidas necessárias para oferecer instalações confortáveis aos militares que virão reforçar a segurança no fim do ano. “Nosso objetivo é receber muito bem essas equipes, pois elas prestam um serviço importantíssimo para a cidade durante a temporada quando a população flutuante chega a triplicar. E já para o reveillon estamos com a programação definida no intuito proporcionar a melhor folia para os habitantes e turistas”, garantiu o prefeito Manoelzinho.

O secretário Municipal de Saúde, Célio Oliveira Ferreira, o “Célio da Farmácia”, explicou que a questão da Saúde Pública haverá algumas alterações, especialmente no aumento das equipes e a principal unidade hospitalar da cidade estará funcionando 24 horas para atendimentos emergenciais neste período do verão. Os serviços na Atenção Básica estarão funcionando de segunda à sexta-feira, das 7h às 17h, com médicos generalistas, enfermeiros, técnicos de enfermagens, dentistas, agentes comunitários de saúde.

Ambulâncias equipadas para atendimentos de urgência, remoções, estarão disponíveis nos principais locais de aglomeração, como na Praça da Baleia e na Orla Marítima. Os serviços da Vigilância Sanitária serão intensificados, principalmente a fiscalização das casas para combater o mosquito transmissor da Dengue. Os agentes vão percorrer, principalmente, as casas dos turistas, a qual eles não têm acessos no dia a dia.

O secretário de Saúde, Célio da Farmácia disse que o maior desafio do verão será combater o mosquito em Nova Viçosa. Ele lembra que o verão brasileiro terá início no dia 21 de dezembro e a estação traz novamente à tona a preocupação com os mosquitos Aedes Aegypti e Aedes Albopictus, transmissores da dengue, da zika e da febre chikungunya. Por esse motivo, o Governo Municipal está lançando uma campanha que visa alertar a população sobre a importância da prevenção contra o inseto, bem como destacar as consequências provocadas pela contaminação.

celiod1Segundo o secretário Célio da Farmácia, o município de Nova Viçosa se engaja nas ações de controle e combate ao Aedes Aegypti, aliada às condições climáticas que resultam num risco muito maior de propagação do vírus Zika. Esse comportamento se explica devido à sazonalidade da doença, cuja maioria dos registros ocorre no Estado da Bahia entre julho e janeiro, época de chuvas esparsas e temperaturas mais elevadas, ideais para a proliferação das larvas do mosquito, em particular Nova Viçosa que está numa região territorial que nesta época do ano o clima esquenta bastante e a cidade recebe milhares de turistas.

O secretário Célio da Farmácia explica que além do serviço de conscientização por meio dos veículos de comunicação, as equipes da Secretaria de Saúde esclarecem todas as dúvidas em relação à prevenção do Zika, dengue e chikungunya com as equipes de agentes que trazem informações importantes sobre vacinação, serviços de saúde e uso de medicamentos. Monitora situações de risco, a demanda por atendimento, a vigilância epidemiológica e sanitária, além de coordenar respostas diante de emergências em saúde pública. (Por Athylla Borborema).

  Categorias: