Sem flagrante, acusado de ter matado homem com golpes de machado em Itanhém é liberado

Postado por Teixeira News | 6 de agosto de 2018 11:10

O homem acusado de ter matado Antônio Neto Gonçalves da Costa São Leão, de 25 anos, no último dia 30, em Vila São José, município de Itanhém, foi ouvido e liberado por não mais haver a figura do flagrante e nem mandado de prisão. Ele havia se entregado à polícia na noite de sábado (4).

Wilson Ferreira da Silva, 37, foi ouvido pelo delegado Bruno Ferrari, na 8ª COORPIN (Coordenadoria Regional de Polícia do Interior), em Teixeira de Freitas, depois de ter sido conduzido por policiais da 44ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM).

O irmão do acusado foi quem procurou a PM na cidade de Itanhém para informar que ele queria se entregar à polícia. Então, uma guarnição foi até a região conhecida como Infincão, que fica distante cerca de 10 km do local do crime e o conduziu para a cidade de Teixeira de Freitas.

Na ocasião do crime, ao lado do corpo da vítima foi encontrado um machado com marcas de sangue, mas, em entrevista o acusado disse que não sabia de qual instrumento se tratava. “Quando eu estava voltando pra roça, ele me pediu dinheiro emprestado e eu não tinha para emprestar e ele me deu socos e chutadas, aí, o que eu achei lá na frente eu rumei nele, mas não sei o que era não”, disse. (Informações: Água Preta News)

Source URL: https://teixeiranews.com.br/sem-flagrante-acusado-de-ter-matado-homem-com-golpes-de-machado-em-itanhem-e-liberado/