Soldado que sobreviveu a ataque em Valença é ouvido pela polícia

26 dezembro 18:57 2016 Imprimir esta notícia

O soldado PM João Feitosa da Silva Plínio Júnior deve ser ouvido ainda nesta segunda-feira, 26. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSP), João prestará depoimento na 5ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Valença).

João Feitosa sobreviveu após levar um tiro no estômago durante ataque de uma quadrilha de tráfico de drogas em Valença, na noite deste último domingo, dia 25.

Além dos irmãos Luciano de Iara e Claudio de Iara, acusados de terem participação na morte do policial, um terceiro envolvido, apelidado como Danico, também é procurado pela polícia.

Ainda segundo a SSP, quatro acusados que participaram do ataque contra os policiais, morreram ao entrarem em confronto com a polícia.

O crime aconteceu quando o policial militar Rogério Souza da Silva e o colega João Feitosa realizavam levantamento de informações na noite do último domingo, 25. Durante a ação, Rogério morreu e João foi atingido na região do estômago, sendo socorrido e levado para o Hospital de Santo Antônio de Jesus, de onde terá alta médica nesta segunda-feira, 26. (Informações: A Tarde)

  Categorias: