‘Terça com Marcílio’: Vereador destaca assuntos discutidos com o deputado Jorge Solla

‘Terça com Marcílio’: Vereador destaca assuntos discutidos com o deputado Jorge Solla
Marcílio Goulart e o radialista Sammy Chagas
28 fevereiro 11:14 2018 Imprimir esta notícia

Na última segunda-feira, dia 26 de fevereiro, o vereador Marcílio Goulart (PT), esteve reunido com o deputado Federal Jorge Sola, do mesmo partido, que é médico e ex-secretário de Saúde da Bahia. Na oportunidade Solla esteve em Teixeira de Freitas para a aula inaugural do curso de medicina na Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), campus Paulo Freire.

Além da agenda na Universidade, Jorge Sola se reuniu com Marcílio para ouvir algumas reivindicações do vereador nas áreas de saúde , segurança e infraestrutura. O vereador Marcílio falou da sua preocupação com o possível descredenciamento do município de Teixeira de Freitas da Residência Médica, progrrama que vinha acontecendo no Hospital Municipal.

Na noite desta terça-feira, dia 27 de fevereiro, Marcílio Goulart pontuou sobre os assuntos discutidos com Jorge Solla, durante o “Terça com Marcílio”, seu encontro mensal ao vivo no Facebook. “Nos reunimos com o secretário municipal de Saúde, Max Almeida e Solla está à disposição para ajudar no que for preciso. Numa época de lançamento do curso de medicina em Teixeira de Freitas, nós não podemos perder a Residência Médica”, disse.

Marcílio Goulart enfatizou também a urgência de uma audiência pública em Teixeira de Freitas, com todas as autoridades de segurança do município e estado, incluindo o secretário de Segurança da Bahia, Maurício Barbosa. “A violência precisa ser um assunto de todos nós e essa audiência precisa ser realizada com urgência pois, precisamos do empenho de todas as nossas autoridades”.

solad

Marcílio Goulart durante encontro com o deputado Jorge Solla

O deputado propôs uma agenda em Salvador, com o secretário Mauricio Barbosa, pontuou como de grande importância as ponderações do vereador, dentre elas a criação do CPR/Extremo Sul, uma logística de distribuição dos futuros policiais militares que estão estudando no 13º Batalhão Escola de Teixeira de Freitas (BEIC). “Atualmente os policiais se formam aqui, mas depois precisam ser distribuídos para seus municípios de origem, seguindo orientação do CPR/Sul, que fica em Itabuna. Precisamos criar uma estratégia para fazer esse trabalho no extremo sul, afinal somos uma região de território extenso e muito complexa”, falou Goulart.

O vereado Marcílio ainda destacou em seu programa ao vivo no Facebook, a necessidade de instalação de um Centro Integrado de Segurança, com sistema de vídeomonitaramento em Teixeira de Freitas e o Sistema de Verificação de Óbito (SVO), para desafogar a carga de trabalho do Departamento de Polícia Técnica (DPT). (Por Ronildo Brito)

  Categorias: