Três pessoas de uma mesma família morrem afogadas em açude na Bahia

Três pessoas de uma mesma família morrem afogadas em açude na Bahia
02 janeiro 23:18 2016 Imprimir esta notícia

Três pessoas de uma mesma família morreram afogadas em um açude na cidade de Dom Basílio, no centro-sul do estado da Bahia. Segundo informações da Polícia Militar (PM), o acidente aconteceu na manhã deste sábado (2), na fazenda produtora de frutas Frutop e as vítimas eram funcionárias do local.

De acordo com a PM, Eliana Brito Pereira, 28 anos, estava pescando no açude quando resolveu ir para um local mais fundo. Nesse momento, ela começou a se afogar e o seu marido, Aparecido Souza, 29, pulou na água para salvá-la.

Sem conseguir salvar a esposa, Aparecido também se afogou. Nesse momento, um sobrinho do casal, João Paulo Pereira de Souza, 15, também tentou salvá-los, mas terminou se afogando junto com os tios.

Por volta das 12h, uma equipe da 16ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM-Livramento de Nossa Senhora) foi até o local e confirmou a morte dos três parentes. A PM comunicou o fato ao Departamento de Polícia Técnica (DPT), que fez a remoção dos corpos e os encaminhou para o DPT de Brumado. O caso segue sob investigação. (Informações: Correio)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.