Vereador Ronaldo Cordeiro propõe unidade de castração de cães e gatos em Teixeira de Freitas

Vereador Ronaldo Cordeiro propõe unidade de castração de cães e gatos em Teixeira de Freitas
kitten and dachshund dog
14 junho 11:17 2017 Imprimir esta notícia

O vereador Ronaldo Alves Cordeiro (PSC), teve aprovada no plenário da Câmara Municipal uma proposição legislativa em que reivindicou da Prefeitura Municipal um Projeto para que seja implantado o sistema de castração continuada de animais domésticos de pequeno porte como cães e gatos no município de Teixeira de Freitas.

O vereador Ronaldo Cordeiro disse que a sua proposta visa trazer o poder público municipal para a parceria com as ONGs da cidade como forma de acabar com o abandono de animais que ocorre de maneira indiscriminada nas ruas por diversos motivos. Para ele, antes de abandoná-los, o homem deveria ter a consciência de que está cometendo um crime. Uma solução para diminuir o grande número de abandonos de animais domésticos é a posse responsável.

“Infelizmente, os animais são maltratados das maneiras mais perversas, entretanto, com penas mais graves cominadas, os referidos delitos iriam diminuir. A adoção deveria ser mais frequente, e a grande importância da castração dos animais domésticos. Percebe-se que esse tema, cada vez mais, está ganhando mais defensores e protetores dos animais que vestem esta causa para o bem-estar do animal. E em Teixeira de Freitas o poder público precisa apoiar as entidades como a “Ser Luz” e a “Nossa Arca” que vivem permanentemente em favor da causa e, uma das saídas para diminuir o abandono é o processo de castração”, destacou o vereador Ronaldo Cordeiro.

O parlamentar lembra, se baseando em estudos científicos, que os animais só mudam seus comportamentos para melhor depois da cirurgia. Ele descreve que o animal castrado não perde a sua personalidade, pelo contrário, sem estar mais sujeito às ações dos hormônios sexuais, torna-se mais calmo e sociável, podendo se dedicar mais às brincadeiras com os donos e outros animais. O animal não tem mais sua circulação restringida durante o cio, ficando assim acessível o tempo todo, mais saudável, mais feliz e mais companheiro, por muito mais tempo.

O vereador Ronaldo Cordeiro disse que o papel da castração é muito importante para evitar a proliferação de animais abandonados, a qual consiste na maneira mais barata para a diminuição dos animais abandonados. O parlamentar ainda propõe ao município que todo animal apreendido deveria ser castrado para que no futuro tão próximo os seus filhotes não sejam abandonados e maltratados.

“Animal doméstico é um ser irracional, mas com sensações de dor, fome e sede. Trata-se de um ser muito vulnerável, pois para a sua sobrevivência depende dos seus donos para viver. É muito carinhoso e fiel, possuindo uma característica peculiar, qual seja, a gratidão. O seu habitat natural é ao lado do seu dono, sendo protegido de todas as formas. É importante salientar que a castração realizada, obviamente, nas clínicas veterinárias ou no Centro de Zoonose do Município que estamos almejando a criação, não é um procedimento cruel, pois o animal é sedado e cuidado por profissionais especializados”, concluiu o vereador Ronaldo Cordeiro. (Por Athylla Borborema).

  Categorias: