Acusado de assassinar a esposa é condenado a 11 anos de prisão em Medeiros Neto

Acusado de assassinar a esposa é condenado a 11 anos de prisão em Medeiros Neto
Condenado, Janilton saiu algemado direto para a prisão / Foto: medeirosneto.com
09 novembro 10:18 2018 Imprimir esta notícia

Foi realizado nesta última quarta-feira (7), na Câmara Municipal de Medeiros Neto, o júri popular de Janilton Sampaio Rodrigues, o ‘Zói’, de 31 anos, acusado de assassinar a sua própria companheira, Felícia Salomão Rodrigues, 28, morta a pauladas no dia 28 de novembro de 2016, às margens da BA-290, próximo ao bairro Planalto. Janilton confessou o crime à época e disse que matou a esposa pelo fato dela estar supostamente lhe traindo.

A sessão de julgamento foi presidida pela juíza Adriana Tavares, substituta da comarca de Medeiros Neto e na acusação atuou o promotor George Elias. A defesa do réu foi feita pelos advogados Rubens Aguiar e Vinícius Porto. O julgamento começou às 9h e terminou por volta das 14h.

Após os amplos debates entre acusação e defesa o corpo de jurados atendeu em parte a estratégia dos advogados Rubens Aguiar e Vinícius Porto, que conseguiram desqualificar o homicídio duplamente qualificado para homicídio simples e condenou o réu Janilton Sampaio Rodrigues, o ‘Zói’, de 31 anos, a 11 anos e 3 meses de prisão, inicialmente em regime fechado, pena que deverá ser cumprida no Conjunto Penal de Teixeira de Freitas – CPTF. (Da redação TN)

  Categorias: