Biometria: Eleitores de Teixeira de Freitas ganham duas novas opções de atendimento

Biometria: Eleitores de Teixeira de Freitas ganham duas novas opções de atendimento
05 fevereiro 21:34 2019 Imprimir esta notícia

Os eleitores de Teixeira de Freitas ganharam duas novas opções de postos para a realização do recadastramento eleitoral. Com isso, a cidade passa a oferecer quatro locais diferentes para a coleta dos dados biométricos. As novas unidades – instaladas no Memorial Legislativo da Câmara de Vereadores e no Salão do Júri, do Juizado Especial – estão em funcionamento desde sexta-feira (1º/2) e já contribuem para a ampliação do atendimento na cidade.

Cerca de mil atendimentos têm sido realizados diariamente no município de Teixeira de Freitas, com a instalação de dois novos postos para a realização do recadastramento biométrico. A unidade instalada no Memorial Legislativo da Câmara de Vereadores já atendeu cerca de 1.070 eleitores, somente entre os últimos dias 31 de janeiro e 4 de fevereiro. Já o posto do Salão do Júri biometrizou uma média de 800 eleitores, em apenas três dias de funcionamento.

Os dois postos são resultado de parceria firmada entre o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) e os poderes Legislativo e Executivo de Teixeira de Freitas. O termo de cooperação técnica foi assinado na última quinta-feira (31/1), quando o presidente do TRE baiano, desembargador José Edivaldo da Rocha Rotondano, esteve na cidade.

Atendimento

Com o acordo, a cidade passou a ter quatro postos disponíveis para a biometria. Antes disso, apenas o cartório da 183ª Zona Eleitoral e a unidade do SAC disponibilizavam o serviço. Por conta do recadastramento, o cartório está funcionando em regime de plantão, de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h e aos sábados, das 7h às 13h. O posto do Memorial Legislativo fica aberto de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h e aos sábados, das 7h às 13h. Já o Salão do Júri funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 14h e aos sábados, das 7h às 13h.

Os eleitores que vão realizar a biometria devem apresentar documento  de identificação com foto (original) e comprovante de residência atualizado (máximo de três meses).  Em caso de primeiro título eleitoral, a CNH e o passaporte com o modelo antigo não são válidos como documentação, o primeiro por não conter nacionalidade/naturalidade e o segundo, por não trazer a filiação.

Teixeira de Freitas tem 105.686 eleitores e apenas 35,27% realizaram a coleta de digitais. A meta da Justiça Eleitoral é recadastrar os 60 mil restantes até o próximo dia 22 de fevereiro, data de encerramento da revisão biométrica na cidade e em outros 33 municípios do estado. (Da redação TN)

  Categorias: