Com adesão da Uesc, greve atinge todas as universidades estaduais da Bahia

Com adesão da Uesc, greve atinge todas as universidades estaduais da Bahia
12 abril 14:02 2019 Imprimir esta notícia

Nesta última quarta-feira (10), professores da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), situada entre Ilhéus e Itabuna, também anunciaram adesão à greve da categoria, já iniciada por outras universidades estaduais, como Uefs, Uesb e Uneb.

Na Uesc, a greve começa na segunda-feira (15), para que seja respeitado o prazo de 72h de aviso à reitoria da Universidade de que as atividades serão paralisadas pelos professores. A greve é por tempo indeterminado.

Juntas, as quatro universidades possuem mais de 50 mil alunos, a maioria dos quais, segundo informações de integrantes dos Diretórios Centrais dos Estudantes (DCEs), estão em apoio ao movimento dos professores. Eles também fazem reivindicações.

A última greve da categoria havia ocorrido em 2015, quando as universidades ficaram paradas por quase três meses. As reivindicações, segundo os docentes, eram basicamente as mesmas de hoje, e a maior parte delas não foram atendidas. (Por Ronildo Brito)

  Categorias: