Foragido suspeito de assaltar lotérica morre em confronto com a polícia de Porto Seguro

Foragido suspeito de assaltar lotérica morre em confronto com a polícia de Porto Seguro
23 fevereiro 23:41 2019 Imprimir esta notícia

Um criminoso considerado perigoso pela polícia, morreu na madrugada deste sábado, dia 23 de fevereiro, após resistir a uma ação de militares do 8º Batalhão de Porto Seguro (BPM). Deivid Andrade Alcântara, o “Caranguejo” era foragido do Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep) desde fevereiro de 2018 e era acusado de tráfico de drogas e homicídios.

Segundo a polícia, após sua fuga, o acusado foi apontado de cometer outros crimes, como homicídios, roubos a veículos e estabelecimentos comerciais. A última ação criminosa que teria cometido aconteceu em 19 de fevereiro desse ano, quando cinco homens armados roubaram uma casa lotérica localizada no Complexo do Baianão.

Na madrugada deste sábado (23/02), os policiais tomaram conhecimento de uma localidade em que os supostos responsáveis pelo roubo à lotérica estariam homiziados, e ao chegarem no imóvel, foram recebidas por disparos de arma de fogo. Após a intensa troca de tiros o suspeito foi alvejado pelos policiais e com ele foram apreendidos uma pistola marca GLOCK, calibre 9mm, 23 munições do mesmo calibre, 29 papelotes de cocaína, aproximadamente 50g de maconha, uma balança de precisão e um coldre.

Os militares dizem que logo que cessou-se a troca de tiros, eles próprios socorreram o acusado ferido ao Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, onde foi constatado o óbito. A arma e todo o material apreendido foram apresentados à 1ª Delegacia Territorial de Porto Seguro (DT), responsável pela lavratura da ocorrência do auto de resistência. (Da redação TN)

  Categorias: