Homem é preso após agredir filhote de cachorro até a morte no Rio de Janeiro

Homem é preso após agredir filhote de cachorro até a morte no Rio de Janeiro
29 fevereiro 11:48 2016 Imprimir esta notícia

Um homem foi preso neste domingo (28) acusado de agredir um cachorro até a morte no Aterro do Flamengo, no Rio de Janeiro. Ele foi identificado como Rodrigo Martins da Silva e foi detido em flagrante depois da denúncia de pedestres que visualizaram a agressão.

Segundo o Extra, policiais militares foram chamados por conta de uma confusão próxima a um shopping. Um homem era perseguido por outras duas pessoas e também tentou fugir da abordagem policial. Rodrigo foi alcançado pelos PMs e as pessoas que o seguiam afirmaram que ele havia matado um cachorro, achado dentro de um saco plástico.

Testemunhas contaram que o homem deu socos seguidamente no filhote, que foi jogado no chão várias vezes. O cachorro ainda foi estrangulado. Rodrigo ainda iria jogar o animal no mar, mas foi impedido pelas testemunhas, que ainda o seguiram quando ele tentou fugir. Um veterinário que estava no local tentou sem sucesso socorrer o cachorro.

Na 9ª Delegacia, onde o caso foi registrado foi constatado que Rodrigo já tem anotação por lesão corporal. Ele foi autuado por maus tratos a animais, que tem pena de prisão de três meses a um ano, além de multa – como o cachorro morreu, a pena pode ser aumentada de um sexto a um terço. (Correio)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.