Homem que tinha sofrido atentado em Itamaraju é assassinado com tiros na cabeça no ES

Homem que tinha sofrido atentado em Itamaraju é assassinado com tiros na cabeça no ES
Imagem: A Gazeta
28 fevereiro 22:22 2016 Imprimir esta notícia

O homicídio com características de execução aconteceu na noite deste último sábado , dia 27 de fevereiro, por volta das 20h40, na Rodovia do Contorno, na Serra-ES., Região Metropolitana de Vitória. A polícia anda não sabe a motivação do crime.

A vítima foi o itamarajuense Paulo Roberto de Oliveira, de 61 anos, que tinha profissão declarada de vigilante, mas era investigado por suposto envolvimento com o tráfico de drogas e homicídios, principalmente em território baiano. Ele levou três tiros na cabeça e morreu na hora.

Paulo havia sido vítima de um atentado a tiros na noite de sábado, do último dia 9 de janeiro, na avenida Antônio Carlos Magalhães, quase em frente à sede do SAMU, na região central de Itamaraju, quando segundo testemunhas, dois elementos numa moto, de placa não anotada, teriam emparelhado na lateral de uma caminhonete Fiat Strada e o carona começou a efetuar disparos. O que os motociclistas não imaginavam era que o alvo deles, um homem que acabara de chegar de Vitória-ES., também estivesse armado, quando foi dado início ao tiroteio.

Testemunhas relataram na época que o passageiro da Fiat Strada,  Paulo Roberto de Oliveira, de 61 anos, teria colocado parte do corpo pra fora do veículo e com uma pistola em punho começou a revidar ao homicídio tentado. Vidraças de estabelecimentos comerciais foram espilhaçadas pelos projéteis e até os mototaxistas que trabalham em um ponto próximo, deixaram o local assustados.

Pouco tempo depois Paulo deu entrada no pronto socorro do Hospital Municipal de Itamaraju (HMI), onde recebeu os primeiros atendimentos médicos e horas mais tarde acabou sendo transferido ao Hospital Municipal de Teixeira de Freitas (HMTF). Ele foi acertado por quatro disparos, possivelmente de pistola, sendo um no pescoço, um nas costas e dois nos braços, mas conseguiu sobreviver. A arma que ele teria usado no revide não foi encontrada pela polícia.

paulod1

Em janeiro Paulo Roberto havia sofrido um atentado no centro de Itamaraju / Imagem: Arquivo TN

Familiares de Paulo Roberto de Oliveira, de 61 anos, estiveram na divisão de homicídios da Serra-ES., mas preferiram não gravar entrevista. O site Folha Vitória apurou que Paulo Roberto saiu da casa de um parente e seguiu para a sua residência, em Jardim Carapina, também na Serra e no caminho terminou sendo executado.

Segundo a policia capixaba, o carro de Paulo Roberto foi emparelhado por outro veículo, não se sabe se uma moto ou carro e que um dos ocupantes atirou várias vezes. O assassinato está sendo investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) da Serra-ES. (Por Ronildo Brito)

Reportagem relacionada

Quatro tiros: Um dos feridos em tiroteio é atendido no Hospital Municipal de Itamaraju

 

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.