João Bosco cobra resultados das forças de segurança e entrega ponto de apoio para a PM

João Bosco cobra resultados das forças de segurança e entrega ponto de apoio para a PM
11 janeiro 19:30 2016 Imprimir esta notícia

O prefeito João Bosco cobrou mais resultados das forças de segurança local e regional. Durante reunião realizada na manhã de sexta-feira (08), com representantes das polícias Civil e Militar, o prefeito cobrou respostas sobre casos emblemáticos ocorridos na cidade, como o do jornalista Gel Lopes e dos empresários Vitor Aguiar e Moisés Gonçalves Pereira.

Durante a conversa, o prefeito quis saber do número geral de casos, quantidade de inquéritos, principais dificuldades encontradas pelos policiais e os meios mais eficazes de se prevenir e combater a criminalidade. Ainda na reunião, o prefeito contatou o Secretário de Segurança Pública do Estado Maurício Teles Barbosa e solicitou uma reunião em Salvador, e por telefone, solicitou reforço técnico e de pessoal.

O delegado coordenador da 8ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), Marcus Vinicius Almeida, e o comandante da 87ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), major Raimundo Magalhães, apontaram suas dificuldades e esforços para a proteção da sociedade. E apresentaram dados que apontam a redução do número de homicídios no município, nos últimos três anos.

“O município teixeirense apresentou, nos últimos três anos, uma queda no número de homicídios. Ao assumir a gestão, o prefeito João Bosco buscou a aproximação e articulação entre Governo Municipal e forças de segurança, os quais vêm desenvolvendo ações conjuntas”, informa o trecho de uma nota que acaba de ser distribuída à imprensa pela assessoria de comunicação do município..

”Em 2012 foram registrados 132 casos, enquanto a média de registros feitos entre 2013 e 2015 ficou em 94 por ano, representando cerca de 30% a menos, com projeção percentual ainda maior, já que a população do município passou de, aproximadamente, 138 mil em 2012, para 157 mil em 2015, segundo dados do IBGE”, informa. “Isso representa o fruto positivo do trabalho, mas ainda estamos longe de comemorar”, comentou o delegado coordenador da 8ª Coorpin, que ponderou que apesar da queda, o número ainda é alto.

“Pensar a segurança pública do ponto de vista da prevenção, e não apenas da repressão é uma postura de quem realmente se preocupa com a sociedade”, disse João Bosco, ao mencionar a atuação do Governo Municipal na efetivação das políticas de Assistência Social – a exemplo da construção e inauguração de quatro Centros para acolhimento da população –, e o empenho para a estruturação das forças de segurança, do ponto de vista técnico e de pessoal.

cobrad1Dentre as dificuldades apontadas pelo coordenador no desempenho do trabalho da Polícia Civil, está o crescimento populacional da cidade. O major Magalhães, por sua vez, apresentou como aspecto positivo para a Polícia Militar em Teixeira de Freitas, o desmembramento do 13º Batalhão na 87ª CIPM e 13º Batalhão Escola, o que reforça o policiamento ostensivo nos períodos de estágio e com a possibilidade permanência dos alunos-soldado na cidade.

Ao fim da reunião, o prefeito João Bosco, em visita ao bairro São Lourenço, contatou o comandante da 87ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), major Magalhães, e decidiu implantar ali uma base da PM. O espaço fica em uma das principais vias do bairro, e será reestruturado para funcionar anexo a um ponto de leitura e academia ao ar livre. “Esta foi uma decisão tomada atendendo a solicitações da comunidade, e serve à estratégia de descentralização das ações, aproximando a PM”, disse o comandante. (Da redação TN)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.