Maior grupo de entretenimento do país lança emissora de rádio

Maior grupo de entretenimento do país lança emissora de rádio
18 novembro 10:13 2016 Imprimir esta notícia

Em 2005, era inaugurada em Curitiba o Wood’s, casa sertaneja que contribuiu para a difusão e consolidação do sertanejo universitário. Hoje, 11 anos depois, a casa tem 15 unidades espalhadas por nove estados brasileiros (São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Espírito Santo, Minas Gerais e Santa Catarina). Além disso, o GrupoWDS, detentor da marca Wood’s, investe em casas noturnas de outro estilo musical: a WS Brazil, presente no mercado curitibano com o melhor do samba, pagode e samba rock.

Agora, após conquistar o Brasil oferecendo muita diversão, ações pioneiras e um atendimento de excelência, o Grupo WDS tira do papel um audacioso projeto: a Rádio Wood’s FM. “Nós somos um grande grupo de entretenimento, que tem por objetivo estar presente em todos os momentos de diversão do nosso público. Passamos os últimos três anos amadurecendo o projeto da Rádio Wood’s FM, com testes online, onde conquistou o público, artistas e já está consolidada no mercado de webrádios, e agora chegou o momento de disponibilizarmos um veículo de comunicação autêntico e com a nossa cara”, comenta Charles Bonissoni, sócio fundador do Grupo WDS.

De acordo com Charles, a Rádio Wood’s FM chegou para ser o “UBER das rádios”, oferecendo soluções tecnológicas de conteúdo para o mercado radiofônico. “Nós vamos oferecer ferramentas para que os empresários do ramo radiofônico tenham em seu DIAL conteúdo que atraia mais ouvintes, tudo isso com qualidade, inovação, tecnologia e custos mais atrativos. Dessa maneira, ele terá clareza em seus processos, tranquilidade em não precisar lidar com um grande número de funcionários e mais tempo para melhorar o seu desempenho comercial”, detalha.

A Rádio Wood´s FM acaba de entrar no ar na cidade de Foz do Iguaçu (PR – 105.5), onde já opera 100% desde o início do mês, e até o final do ano deve estar disponível em mais três cidades. Segundo projeções do Grupo WDS, a expectativa é de que até o ano 2020 a rádio possa ser sintonizada em pelo menos 40 cidades brasileiras. (Da redação TN)

  Categorias: