Mataram, deixaram as vísceras e levaram a carne do bode do IF Baiano de Teixeira de Freitas

Mataram, deixaram as vísceras e levaram a carne do bode do IF Baiano de Teixeira de Freitas
29 janeiro 19:32 2016 Imprimir esta notícia

Na manhã desta sexta-feira, dia 29 de janeiro, um funcionário designado pela direção do IB Baiano de Teixeira de Freitas, com sede às margens da rodovia BR-101, procurou a Delegacia da Polícia Civil (DEPOL), onde registrou uma ocorrência, relatando que desconhecidos tinham invadido a fazenda onde fica o campus do estabelecimento de ensino, mataram e furtaram a carne de um bode, que era criado para ensinamento dos alunos do curso de Agropecuária.

Os autores do furto danificaram a cerca da propriedade rural, por onde passaram, amarraram e mataram o animal, deixaram as vísceras no local e levaram apenas a carne. O que intriga é o fato de o bode, ser um animal que faz muito barulho quando é sacrificado, fato que não teria sido notado por ninguém. Até o fim da tarde desta sexta, dia 29, os autores do furto não tinham sido identificados pela polícia. (Por Ronildo Brito)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.