Mucuri com suas belíssimas e luxuosas praias da Costa Dourada

Mucuri com suas belíssimas e luxuosas praias da Costa Dourada
07 dezembro 10:24 2018 Imprimir esta notícia

O ponto litorâneo mais atraente de Mucuri, é sem dúvidas, as praias da região da Costa Dourada, no litoral sul do município. Para se chegar ao balneário, o acesso é pelo povoado de 31 de Março, na divisa da Bahia com o Espírito Santo, às margens da BR-101. Do local se desce 38 Km até o litoral por estrada de chão muito bem conservada, basta dirigir com vigilância e seguir com atenção as placas indicando o caminho da Costa Dourada, porque sem prudência você poderá se perder entre a densa floresta de eucalipto e estradas vicinais utilizadas por carretas.

Chegando na Praia da Costa Dourada, o visitante logo encontra a “Pousadinha”, um hotel aconchegante e que pertence ao comerciante Gilberto Souza Santos, filho de pais baianos, nascido em São Paulo, mas radicado em Cáceres-MT., que há 20 anos, trocou a vida agitada da cidade grande no Mato Grosso pela vida mansa da Costa Dourada. Na “Pousadinha”, o cliente encontra o conforto necessário para quem quer descansar e viver dias de príncipe à beira das mais belas paisagens.

cosd8Chegando a Costa Dourada, o visitante também encontra a pousada e o restaurante da atual moradora mais antiga do lugar, que há 28 anos começou a desbravar as belezas da Costa Dourada. A mineira de Governador Valadares, Alfina Rodrigues Ribeiro, 83 anos, popularmente conhecida por “Tia Fina”, se mudou para o local em 1990, 13 anos antes da chegada da energia elétrica.

Com 35 Km de praias, algumas ainda virgens com belíssimas falésias e inúmeros coqueirais, Mucuri está situado na zona turística da Costa das Baleias, com as praias da Vila, Pôr do Sol, Praia das Malvinas, Praia da Orla, Praia da Barra, Praia da Lagoa Grande, Praia do Lobisomem, Praia do Josué, Praia da Jacutinga, Praia do Sossego também conhecida por Praia do Domingo, Praia dos Coqueiros, Praia da Costa Dourada, Praia Dois, Cacimba do Padre, Praia dos Lençóis e Praia do Riacho Doce.

cosd7Ao norte da Costa Dourada, encontram-se as praias dos Coqueiros e do Domingo que proporcionam banhos revitalizantes no mar de águas claras. Na Praia do Domingo a grande atração é o Rio das Ostras que avança 300 metros mar adentro e proporciona deliciosos banhos salobros em meias paisagens exuberantes de falésias nas laterais e manguezais de rio acima.

Saindo de Costa Dourada em direção ao sul, chega-se a Praia Dois, marcada por gigantescas barreiras e falésias naturais. Seguindo a pé, chega-se também a Cacimba do Padre, praia que guarda uma lenda da época dos jesuítas. Segundo os nativos, a cacimba de águas puras e de cor de esmeralda, era protegida por um jesuíta, que se utilizava todos os dias destas terras. Com o passar dos séculos a erosão costeira destruiu o local e formou na costa uma arredondada ilha de pedra que dá característica a boca de uma cacimba modelada, motivo que assim batizou a referida praia, de Cacimba do Padre.

cosd6Um pouco mais adiante está a Praia dos Lençóis, uma costa circundada de falésias, formadas por areias alvíssimas. O visitante que chega a Lençóis se impressiona com o brilho do ambiente, bastante acentuado pelo branco das falésias.

O município de Mucuri ainda sedia a Praia do Riacho Doce, um local característico e peculiar da sua beleza. É justamente o Riacho Doce que divide a praia ao meio, lado sul pertence ao município de Conceição da Barra/ES e o lado norte a Mucuri/BA. Divisa legal entre os dois estados que virou atração dos turistas que procuram o luxuoso balneário de Itaúnas, no extremo norte capixaba.

cosd5A praia do Riacho Doce está ladeada pelo Parque Estadual de Itaúnas, por isso o local é bem preservado no entrono do rio, formando uma região coberta por densa mata paludosa com florestas de locais úmidos, onde se pode com muita sutileza, observar-se animais como lontra, sagüis, mão pelada, macacos, quatis, aves diversas e até jacarés.

Andando pela praia de Costa Dourada até o Riacho Doce se gasta 3 horas de caminhada, mas se caminhar fotografando as belezas das praias, você gastará cerca de 4 horas e meia. Mas para quem não queira arriscar a andança, a opção é fazer o trajeto de carro com acesso pelo território capixaba ou se preferir, seguir direto por Itaúnas. 500 metros antes da praia do Riacho Doce, o visitante encontrará a Barraca do Jamaica, um nativo do lugar nascido do outro lado do rio em território do Espírito Santo que oferece desde água de coco gelada, até poções e petiscos.

cosd4Mas é na barraca do Jamaica que os carros deverão ficar estacionados, porque dali adiante o turista só chega à praia do Riacho Doce, caminhando. A marca do nativo Jamaica é receber os visitantes tocando violão e cantando músicas da MPB, com preferências para as canções de Zé Ramalho, Zé Geraldo, Raimundo Fagner e Edson Gomes. No local o pequeno comerciante que além de cantor também é poeta, conversa com os turistas e fala da importância de preservar as áreas nativas.

As praias do litoral de Mucuri de características selvagens e que ainda não sofreram nenhuma transformação artificial ou urbanização, são as costas da Praia da Lagoa Grande, Praia do Lobisomem, Praia do Josué, Praia da Jacutinga, Praia do Sossego, Praia dos Coqueiros, Praia da Costa Dourada, Praia Dois, Cacimba do Padre, Praia dos Lençóis e Praia do Riacho Doce.

cosd3Dessas, apenas as praias do Sossego, Coqueiros e Costa Dourada têm sofrido mais influência do mercado imobiliário e registrado a visita com certa intensidade de turistas, além da Praia do Riacho Doce, situada na divisa com o território do Espírito Santo que apesar de não oferecer nenhuma infraestrutura de hotel e com poucas barraquinhas de bebidas e petiscos na praia, ela recebe centenas de turistas nesta época do ano, principalmente de hospedes oriundos dos balneários capixabas de Itaúnas e Conceição da Barra.

São praias desertas, e por isso mesmo ainda desprovidas de infraestrutura de apoio ao banhista. Não há bar, restaurante, pousada, tampouco hotel nas imediações. A estrada de acesso é um pouco acidentada e existe dificuldade de tráfego porque haverá necessidade de passar por dentro de propriedades particulares. O melhor mesmo é caminhar pela praia, munido de muita água na mochila, porque vale a pena visitar. A primeira vantagem é a segurança de um banho em água cristalina, desprovida de coliforme, porque trata-se de mar calmo o ano inteiro.

cosd2O próprio morador do município de Mucuri desconhece as praias virgens do seu litoral sul. Quem conhece a Praia dos Lençóis, não imagina que esteja em território do município de Mucuri. Chama a atenção a larga faixa de areia branca, fina e plana, propícia ao passeio de bugre, sendo repleta de coqueirinhos, margeada por falésias sinuosas, em nuances de tons que vão do avermelhado ao marfim. O circuito é montanhoso, mas tu poderás superar todos os obstáculos a bordo do teu bugre genial. O mar é aberto, água morna e límpida. De modo geral, a orla da Praia dos Lençóis tem essas características, sendo propícia ao uso de caiaque, mas alguns trechos também são ótimos para windsurf.

Quem pretende visitar estas praias deve usar roupas leves porque o clima é quente e úmido, com temperatura média anual de 29ºC. A altitude é de 32 metros acima do nível do mar. Como não existe pousada nem restaurante nas localidades, o ideal é se hospedar em Costa Dourada para usufruir de um suporte de infraestrutura, sem, no entanto abrir mão de reservar algumas horas de sol para uma deliciosa aventura pelas praias desertas que o litoral sul de Mucuri reserva para você diante de tantos cenários exuberantes.

cosd1O cenário formado por falésias que chegam a 15 metros, areia fina e mar azul conserva praias selvagens que ainda estão para ser descobertas. Mucuri, esconde um reduto natural praticamente intocado. Formado por ecossistemas de mata atlântica, restinga, manguezal, dunas e belíssimas praias, Mucuri é um prato cheio para quem gosta de ecoturismo. Passeios de barco podem ser agendados com os pescadores locais. Caminhadas ao longo das praias é certeza de belíssimas paisagens.

Nesse trecho, o destaque é para a paisagem contornada por falésias avermelhadas que dão um toque selvagem às praias. O banho fica por conta das piscinas naturais formadas por recifes e dos rios que desembocam na região. Algumas das praias têm acesso restrito e são praticamente desertas, como a Cacimba do Padre e a dos Lençóis, que ficaram conhecidas pela presença de areias medicinais. A última das praias é a Riacho Doce, com sua grande faixa de areia branca que delimita o território baiano, fazendo fronteira com o estado do Espírito Santo.

Já a rodovia de acesso a cidade de Mucuri é a BR-101, com 22 Km do distrito de Itabatã até a divisa da BA/ES. E de Itabatã segue-se por mais 38 km pela BA-698 até a sede de Mucuri. Para quem gosta de sol, praias virgens, rios e cachoeiras rodeadas pela mata atlântica, as praias do litoral sul de Mucuri oferecem aos visitantes um conjunto formado por belas praias, rios, cachoeiras, manguezais e áreas de restinga. Um convite ao descanso e também aos esportes de aventura. No total, são 16 praias, medindo cada uma, cerca de 2 km, incluindo algumas com maior infraestrutura e outras nas quais se chega apenas por meio de longas caminhadas pelas trilhas.

Em Costa Dourada é o lugar ideal para assistir o sol nascer ou se pondo. A imagem do sol surgindo do mar fica ainda mais bonita, emoldurada pelo colorido dos barquinhos de pescadores sobre os reflexos dos paredões de pedras e ondas bailarinas. Além dos belos rios a beira mar nas praias da Costa Dourada, nessa praia há uma bica de água doce que cai diretamente na areia, deslumbrando os que chegam até lá.

cosdA Costa Dourada pode ser visitada o ano inteiro, pois há sol e águas quentes tanto no inverno, quanto no verão. As chuvas se concentram no período do inverno (julho/agosto), mas não chegam a atrapalhar os visitantes. O período de seca vai de agosto a fevereiro, mas no verão o pequeno balneário fica lotado, inclusive de excursões. De abril a junho e de agosto a novembro o movimento é menor, assim como os preços praticados nas pousadas e restaurantes. O mês de julho, o melhor para pegar ondas, também tem movimento intenso. Não existem grandes hotéis, mas é possível encontrar pousadas aconchegantes na Costa Dourada.

Na sede do município a grande atração é a Passarela Ecológica do Gigica, de 300 metros, que é um atrativo a mais da região. Construída inicialmente para facilitar o acesso dos pescadores à praia, a trilha suspensa sobre o manguezal conquistou os turistas e virou atração da cidade. A trilha é leve, recomendada para pessoas de todas as idades que gostam de ouvir as histórias e informações sobre o manguezal, espalhadas em placas pelo caminho e contadas por guias locais. Ao final do passeio, um banho de rio ou de mar para se refrescar. (Por Athylla Borborema)

  Categorias: