Mulher mata o marido com facada no pescoço em Medeiros Neto

Mulher mata o marido com facada no pescoço em Medeiros Neto
Mulher foi presa em flagrante e está custodiada em Teixeira de Freitas / Imagem: medeirosdiadia
08 fevereiro 10:20 2016 Imprimir esta notícia

Está presa na carceragem da 8ª Coorpin de Teixeira de Freitas, Lúcia Almeida Santos, de 20 anos, que na madrugada deste domingo, dia 7 de janeiro, matou o marido Tiago Miranda Melo, com um golpe de faca do tipo peixeira na região do pescoço. O motivo do crime, segundo a assassina confessa, teria sido a atitude do companheiro dela, que após uma discussão teria se armado com a faca para acertá-la, mas antes de ser golpeada, a mulher relata que tomou a arma e o acertou na goela. O crime aconteceu na casa do casal, no bairro Uldurico Pinto.

Minutos depois uma guarnição da 44ª Companhia Independente da Polícia Militar de Medeiros Neto (CIPM), compareceu ao local e prendeu a acusada em flagrante. A vítima recebeu o atendimento inicial no local oferecido por uma equipe do SAMI-192, acabou encaminhada ao Hospital de Medeiros Neto e como seu estado de saúde foi considerado gravíssimo, terminou encaminhado ao Hospital Municipal de Teixeira de Freitas (HMTF), onde apesar de ter passado por uma cirurgia, não resistiu ao grave ferimento provocado pela facada e veio a óbito.

Pelo fato de o crime ter acontecido no final de semana e devido ao período do carnaval ter obrigado os delegados cumprirem plantões extras nas cidades litorâneas, a homicida Lúcia Almeida Santos, de 20 anos, foi apresentada ao delegado Manoel Andreeta, na 8ª Coorpin. No decorrer dessa próxima semana o inquérito policial deve ser repassado às mãos do delegado Sanney Simões, titular de Medeiros Neto, que dará prosseguimento às investigações, para posteriormente remeter a peça ao Ministério Público e ao Poder Judiciário. (Por Ronildo Brito)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.