Necropsia: Itamarajuense “Som” foi alvejado com 25 tiros

25 janeiro 21:31 2017 Imprimir esta notícia

Morreu na manhã desta quarta-feira, dia 25 de janeiro, no Hospital Municipal de Teixeira de Freitas (HMTF), Anderson Souza Santos, o “Som”, de 27 anos, alvejado a tiros quando trafegava na manhã desta terça feira (24), no Bairro Novo Prado, imediações do Hospital Municipal de Itamaraju (HMI)

Anderson e sua esposa, Marcilei Batista seguiam em uma caminhonete Fiat Strada, de cor branca, placa policial JOT-8596, licenciada em Itamaraju, quando dois homens a bordo de uma moto interceptaram o veículo e abriram fogo contra o casal. Anderson foi alvejado na cabeça e em outras partes do corpo, enquanto Marciclei acabou atingida na perna.

O casal foi socorrido para o Hospital Municipal de Itamaraju (HMI), mais devido à gravidade de Anderson,  que teve parte do rosto deformado, ele foi transferido para Teixeira de Freitas, onde acabou morrendo.

No corpo de Anderson, segundo os médicos que lhe atenderam, foram constatadas cerca de 25 perfurações de arma de fogo.

O corpo foi removido ao Instituto Médico Legal Nina Rodrigues de Itamaraju (IML), para exames de necropsia e logo depois terminou liberado aos familiares. Autoria e motivação do crime são desconhecidas. (Da redação TN)

  Categorias: