Polícia Civil comemora o Dia Internacional da Mulher em Teixeira de Freitas

Polícia Civil comemora o Dia Internacional da Mulher em Teixeira de Freitas
12 março 16:01 2019 Imprimir esta notícia

O ambiente que normalmente tem um clima pesado, em razão dos crimes que chegam até o local para serem resolvidos, na manhã desta terça (12/03) ganhou um ar de alegria e descontração. Foi nesse clima alegre que a DEAM – Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher de Teixeira de Freitas, realizou uma manhã de atividades em homenagem às mulheres teixeirenses, em tributo ao Dia Internacional da Mulher comemorado sempre no dia 8 de março.

A delegada titular da DEAM, Viviane Scofild e a delegada adjunta da DEAM, Kátia Guimarães foram as anfitriãs do evento que contou com a participação da filarmônica de Caravelas e de um belíssimo grupo que promoveu uma apresentação da dança do ventre. Um coquetel foi oferecido as convidadas, cujo evento contou com a participação da delegada Valéria Fonseca Chaves, coordenadora regional da Polícia Civil e de diversas outras autoridades civis, militares, autoridades da comunidade jurídica e da população em geral.

Ao falar à imprensa a delegada Viviane Scolfild, titular da DEAM – Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher de Teixeira de Freitas, parabenizou todas as mulheres, em especial as policiais civis, que diariamente desempenham seu trabalho com maestria em todo o Estado e colaboram com a segurança pública da Bahia e, sobretudo, as mulheres teixeirenses, especialmente todas aquelas de histórias e missões diárias.

“Hoje contamos com mulheres presentes em todas as carreiras policiais: escrivãs, papiloscopistas, investigadoras, peritas e delegadas. Elas trabalham nos mais variados setores da nossa polícia judiciária. E essa singela homenagem é para enaltecer o profissionalismo e valentia das servidoras, que a cada dia mostram-se capazes de envolver-se com diversas funções, sejam essas administrativas, operacionais ou de direção”, ressaltou a delegada Viviane Scofild.

O 1º Dia Nacional da Mulher foi celebrado em 1908, quando cerca de 1500 mulheres aderiram uma manifestação em prol da igualdade econômica e política no país. Em 25 de março de 1911 um incêndio em uma fábrica de Nova Iorque, mais de 140 trabalhadores, a maioria costureiras. O número elevado de mortes foi atribuído às más condições de trabalho e segurança. Este também é um dos principais fatos que marcam o significado do Dia Internacional da Mulher.

No Brasil, tais movimentações surgiram no início do século 20, e também buscavam melhores condições de trabalho. Já em 1982, o feminismo passou a manter um diálogo importante com os Estados, com a criação do primeiro Conselho Paulista da Condição Feminina, e em 1985, foi implantada a primeira Delegacia Especializada da Mulher em São Paulo. (Por Athylla Borborema)

  Categorias: