Presidente da Câmara de Alcobaça se filia em novo partido e confirma pré-candidatura

Presidente da Câmara de Alcobaça se filia em novo partido e confirma pré-candidatura
23 março 12:06 2016 Imprimir esta notícia

O presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, vereador Serginho Figueiredo anunciou essa semana durante sessão do Legislativo alcobacense,  a sua nova sigla partidária o PHS – Partido Humanista da Solidariedade e confirmou a sua pré-candidatura ao cargo de prefeito do município.

O vereador Serginho Figueiredo tem criticado as últimas gestões do município apontando a falta de responsabilidade com os gastos do dinheiro público e condenando o modelo onde se apresentam propostas de governo para enganar a população e estas que não são cumpridas.

O atual vereador que pertence a uma das famílias mais tradicionais do município (Almeida, Muniz e Medeiros), é Bacharel em Direito e além de afirmar conhecer muito bem todo o município e acumular experiência no serviço público tendo exercido o cargo de secretário municipal em Alcobaça e coordenador geral do SAC em Teixeira de Freitas, defende uma administração onde a população possa participar apontando as prioridades de cada comunidade e de cada bairro.

Segundo o vereador a cidade de Alcobaça vem sendo penalizada com os últimos modelos de campanhas implantadas no município, que é o pão e o circo, desrespeitando de forma maldosa a população, que trabalha de sol a sol para garantir a dignidade de suas famílias. ’’Fica claro que quem gasta milhões em uma campanha criando compromissos com financiadores e com familiares não tem compromisso com a população do município’’, afirma o vereador, que questiona ainda as verdadeiras intenções desses candidatos.

Serginho defende uma campanha eleitoral onde o poder financeiro não fale mais alto que o caráter e que a moralidade, pois tal atitude compromete toda a gestão deixando os gestores endividados e impossibilitados de realizar grandes ações no município.

A direção estadual do PHS já manifestou apoio à pretensão do vereador Serginho em disputar a próxima eleição para prefeito. O vereador foi eleito pelo PDT, mas segundo ele, o ex-prefeito Léo Brito promoveu articulações junto à direção estadual do partido com o objetivo de impedir que ele fosse candidato a prefeito, convencendo os líderes estaduais para substituir a direção do PDT em Alcobala, que além dele (vereador Serginho), elegeu o vice-prefeito Zé Carlos e o vereador Almir Oliveira.

“A manobra orquestrada pelo ex-prefeito Léo Brito não surtiu o efeito desejado por ele, uma vez que, a aprovação da mini-reforma política pelo Congresso Nacional viabilizou a possibilidade de transferência partidária sem a perda do mandato”, diz, afirmando a manutenção a sua pré-candidatura ao Executivo Municipal pelo PHS. (Da redação TN)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.