Recebeu telefone restrito, saiu para atender e foi atacado a tiros em Teixeira de Freitas

Recebeu telefone restrito, saiu para atender e foi atacado a tiros em Teixeira de Freitas
04 maio 17:21 2015 Imprimir esta notícia

Por volta das 19h10 deste domingo, dia 3 de maio, um adolescente de 16 anos, acabou sendo alvejado com dois disparos de arma de fogo na rua rua Araxá, bairro Luiz Eduardo, em Teixeira de Freitas.

Logo após ser ferido o adolescente Henrique Alves Brito, de 16 anos, foi socorrido pelo SAMU ao Hospital Municipal de Teixeira de Freitas (HMTF) onde acabou dando entrada em estado grave, já que os tiros tinham atingido a sua cabeça. Pouco tempo depois a equipe médica do centro cirúrgico confirmou o óbito do menor e autorizou a remoção do corpo ao IML para exames de necropsia.

Na Delegacia da Polícia Civil de Teixeira de Freitas (DEPOL), os familiares da vítima, informaram que Henrique, momento antes de ser atingido, havia recebido um telefonema com número restrito em seu celular e no momento que saia para supostamente atender a pessoa que estava do outro lado da linha, terminou surpreendido com os dois tiros na parte frontal da cabeça.

Um inquérito policial já foi instaurado para investigar o crime, mas até a manhã desta segunda-feira, dia 4 de maio, motivação e autoria do assassinato continuavam desconhecidas. (Por Ronildo Brito e Tyago Ramos)

  Categorias: