Reitor apresenta modelo universitário da UFSB no Senado

Reitor apresenta modelo universitário da UFSB no Senado
17 dezembro 00:10 2015 Imprimir esta notícia
A implantação da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) foi tema de audiência pública realizada pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) do Senado nesta quarta-feira (16/12), a pedido da senadora  Lídice da Mata (PSB-BA), que também presidiu a audiência. O reitor da UFSB, Naomar Monteiro de Almeida Filho, fez um balanço do primeiro ano de implantação da universidade que terá sua primeira turma formada em 2017.  Hoje, a UFSB tem 1.545 alunos e 188 professores.

De acordo com Naomar, a universidade vem obtendo forte apoio de investimentos  por parte das prefeituras e do governo estadual. Ele destacou que já está bem adiantado, no governo estadual, o processo que vai repassar à  UFSB as antigas instalações do Derba, situado no centro urbano de Teixeira de Freitas, onde, no início do próximo ano, haverá consolidação do campus Paulo Freire da instituição. O reitor ressaltou ainda a necessidade de abertura de vagas para professores para viabilizar a implantação total desse novo modelo.

Participando do debate, o coordenador geral de Expansão e Gestão das Instituições Federais de Ensino do Ministério da Educação, Antônio Simões Silva, elogiou o projeto pedagógico da Universidade, destacando como novidade bem sucedida a parceria entre Estado, municípios e União. Ele afirmou que outras universidades brasileiras deveriam adotar o modelo da UFSB cuja principal característica é a de  universidade ir ao encontro do aluno, e não o contrário. O senador Cristovam Buarque (PDT-DF) ressaltou a necessidade de maior investimentos federais na educação de base.

Modelo pedagógico – Uma das características da UFSB é promover o ingresso dos alunos nos programas de bacharelado interdisciplinar, em que o estudante escolhe uma entre quatro grandes áreas de atuação: Artes, Humanidades, Saúde, Ciência e Tecnologia. Após concluir o bacharelado, com duração de três anos, o aluno faz então uma opção mais específica, escolhendo uma carreira profissional. O bacharelado interdisciplinar já é adotado em instituições como a Universidade Federal da Bahia e a Universidade Federal do ABC, no Estado de São Paulo. Além disso, a UFSB oferece aos moradores dos municípios do sul da Bahia com mais de 20 mil habitantes a possibilidade de ingressar em seus cursos por meio de colégios universitários instalados em suas próprias localidades.

A UFSB está sediada na cidade de Itabuna, com campi em Porto Seguro e Teixeira de Freitas. Sua criação foi aprovada pelo Senado em 8 de maio de 2013 e sancionada pela presidente Dilma Rousseff em 5 de junho do mesmo ano. Para Lídice, que relatou o projeto de lei que criou a Universidade, o papel da instituição será essencial para promover a profissionalizaçaõ dos jovens da região. (Da redação TN)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.