Sepultado o corpo da “Dona Luzia” uma das moradoras mais tradicionais de Jucuruçu

Sepultado o corpo da “Dona Luzia” uma das moradoras mais tradicionais de Jucuruçu
06 novembro 10:14 2018 Imprimir esta notícia

Foi sepultado no final da tarde desta segunda-feira (05/11) na cidade de Jucuruçu, o corpo de uma das moradoras mais tradicionais do município e matriarca de uma família pioneira na região. A dona Luzia Alves de Oliveira, faleceu de causas naturais por volta das 20h deste último domingo (04), no Hospital Municipal de Jucuruçu, após ter sido levada para a unidade hospitalar com insuficiência respiratória.

luziad2Dona Luzia Alves de Oliveira, faleceu aos 91 anos de idade. Ela era mineira da cidade de Jacinto e há 50 anos se mudou com o esposo Domingos Francisco de Oliveira (em memória) para o município de Jucuruçu. Primeiro moraram na Fazenda Boa Vista, no córrego da Onça e anos mais tarde, se radicaram na cidade de Jucuruçu. O casal teve 14 filhos, 10 homens e 4 mulheres. Netos teve mais de 24, entre eles os mais próximos nos seus últimos anos de vida como, Kleber, Camila, Robson, Nei, Mateus, Hermes, Hudson, Lia, Keila, Marta e Marivan. E são 19 bisnetos.

luziad1Dos seus filhos, dois deles nunca saíram da sua companhia: Alzira popularmente conhecida por “Zirinha” e José Carlos de Oliveira, o radialista “Lobão”. Dona Luzia sempre teve o aconchego dos filhos e netos que todos os dias no início da noite estavam ali ao seu redor. A sua casa sempre foi acolhedora de todo o povo do município, por ser bem na Praça Principal, no centro de Jucuruçu. A mesa era sempre farta. Aos 91 anos, estava lúcida, memória boa e sempre atenta a tudo e a todos. O amigo da família, Roglison Barbosa, que tinha em Dona Luzia uma segunda mãe, lamentou a sua morte dizendo que a sua passagem pela terra só fez iluminar os dias das pessoas que a cercavam e que o céu agora ficou mais florido com a sua chegada.

Na noite desta segunda-feira (05/11), quatro horas após o sepultamento da Dona Luzia, o seu filho mais velho, Abílio Francisco Oliveira, 74 anos, que nos últimos 15 dias teve alguns problemas de saúde agravados, também faleceu. (Da redação TN)

  Categorias: