Traficante mata pai na frente da filha por acreditar que vítima o teria denunciado à polícia

Traficante mata pai na frente da filha por acreditar que vítima o teria denunciado à polícia
03 março 09:58 2016 Imprimir esta notícia

O traficante Valter Neidson dos Santos, conhecido como Nininho, 26 anos, foi levado para a Cadeia Pública, no Complexo Penitenciário da Mata Escura, na tarde desta quarta-feira (2) por matar Divaldo Souza Conceição, 56.

Segundo informações da Polícia Civil, o traficante teria cometido o crime por acreditar que a vítima o teria denunciado à polícia como um dos envolvidos no assassinato do sargento reformado do Exército Eliedson Soares dos Santos, ocorrido em 21 de junho do ano passado, também em Fazenda Grande.

Nesse caso, o crime teria como motivação o tráfico de drogas. Já Divaldo foi morto pelo traficante no dia 16 de fevereiro, na 1ª Travessa Diva Pimentel, na Fazenda Grande enquanto a vítima estava acompanhada da filha.

Segundo o delegado Jamal Amad, coordenador da 3ª Delegacia de Homicídios, Valter achou que Divaldo seria o denunciante porque ele (Valter) pilotava uma motocicleta com restrição de roubo, a qual foi apreendida momentos antes do crime numa abordagem policial.

Por conta disso, o traficante matou Divaldo com tiros na cabeça, tórax e costas. A arma utilizada no crime não foi encontrada. Ainda de acordo com informações da polícia, Valter foi localizado na Avenida Oscar Pontes, na Calçada, por policiais da 16ª Companhia Independente da Polícia Militar (Comércio). Ele estava com mandado de prisão em aberto por homicídio do sargento e possuía passagem pela polícia por roubo. (Informações: Correio)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.