UFSB debate Incentivo à Inovação Tecnológica e Desenvolvimento Rural Sustentável na Semana da Ciência

UFSB debate Incentivo à Inovação Tecnológica e Desenvolvimento Rural Sustentável na Semana da Ciência
19 outubro 16:11 2018 Imprimir esta notícia

O Campus Paulo Freire da UFSB – Universidade Federal do Sul da Bahia encerrou em Teixeira de Freitas na noite desta quinta-feira (18/10) um dos círculos da Semana da Ciência, onde houve uma mesa de apresentação sobre a cultura da mandioca e suas utilidades com uma palestra de  Iraildes Martins, gerente de desenvolvimento do Banco do Nordeste do Brasil, Agência de Itamaraju, além da apresentação de projetos que estão ou que já tramitaram no Poder Legislativo Municipal, entre eles o de Desenvolvimento Rural Sustentável e o de Incentivo à Inovação Tecnológica, de autoria do vereador Agnaldo Teixeira Barbosa, o “Agnaldo da Saúde” (PR), atual presidente da Câmara Municipal.

ciend2Na oportunidade, o diretor Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Teixeira de Freitas, o projetista Jailson Mattos promoveu uma exposição de outros projetos do gênero e falou da integração das ações entre as Instituições Acadêmicas e o Poder Público. Um dos pontos altos foi à apresentação do projeto do vereador Agnaldo da Saúde que institui a Política Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável da Agricultura Familiar – PODS que passará a ser um instrumento norteador das ações de Assistência Técnica e Extensão Rural, com ações desenvolvidas junto aos agricultores familiares do município.

ciend1O diretor Jailson Mattos também apresentou de forma ampla para os convidados e para comissão da UFSB, o Projeto de Lei que instituí a POLITEC – Política Municipal de Incentivo à Inovação Tecnológica de Teixeira de Freitas, que define objetivos, instrumentos, princípios e diretrizes para a gestão integrada da ciência, tecnologia e empreendedorismo, visando promover o desenvolvimento econômico, social, ambiental e a inclusão social no município. O projeto é também de autoria do presidente Agnaldo da Saúde que estava presente e assistiu à apresentação dos seus projetos e disse que o conhecimento científico avançado e as tecnologias estão sob o domínio de países, estados e municípios que garantem grandes vantagens sob os aspectos políticos, econômicos e social

ciendDentre as outras autoridades das áreas persentes, estiveram: O presidente da Fundação Quincas Neto, José Sérgio Figueiredo; Os professores doutores Wanderley Souza, Taína Soraia Müller e Lívia Santos Lima Lemos; Estudantes da UFSB; A coordenadora do PAA Katiane Rosa; Representantes da Polímata; O consultor em gestão empresarial, Ildeu Linhares e a coordenadora do Cerest, Michelli Muniz. Para a professora doutora Taína Müller, foram momentos essenciais vividos diante de importantes projetos que foram apresentados, inclusive sobre os projetos do PAT Mandiocultura e sua sinergia com as ações da Secretaria Municipal de Agricultura. (Por Athylla Borborema)

  Categorias: