Vereadores se recusam votar projeto que autoriza aumento no valor tarifário do Mototáxi em Itamaraju

Vereadores se recusam votar projeto que autoriza aumento no valor tarifário do Mototáxi em Itamaraju
06 abril 12:06 2016 Imprimir esta notícia

Na sessão da Câmara Municipal de Itamaraju desta terça-feira (06/04), sob a presidência do vereador  Francisco Carlos Barbosa da Silva, o “Chico do Hotel” (PP) os vereadores que pretendiam votar o Projeto de Lei  003/2016 procedente do Poder Executivo que reajusta o valor tarifário do transporte em Mototáxi, acabaram se recusando a votar o projeto com a redação original mesmo munido dos devidos pareceres favoráveis das comissões permanentes.

O projeto original autoriza o valor tarifário de R$ 4,00 para R$ 5,00 e no horário das 22h às 6h o valor passaria de R$ 5,00 para 6,00. E a taxa acrescentaria mais um real para as corridas de longa distância no perímetro urbano, em qualquer horário.

Mas no plenário os vereadores reagiram à redação original e os vereadores Joscélia de Souza, a “Ju” (PT), Osvaldo Silveira Rocha, o “Valzão” (PT) e Rubens Cleudes de Jesus Neves, o “Rubens do Hospital” (PV) sugeriram que o projeto retornasse as comissões permanentes para que fosse emendado de forma mais adequado e nítido no entendimento da população.

aud1Os parlamentares foram unânimes em aceitar o reajuste para R$ 05,00, mas querem que o acréscimo para R$ 06,00 prevaleça somente a partir da meia-noite, considerando que as 22h ainda é um horário que os alunos estão saindo dos estabelecimentos de ensino e as igrejas estão liberando seus fiéis.

Outro ponto contestado pelos parlamentares é a cobrança de um R$ 01,00 a mais em cima da tarifa nas corridas de longa distância. Uns entendem desnecessária a cobrança, outros entendem necessário, mas reconhece que o Projeto de Lei deve pontuar quais são as localidades urbanas distantes para quais se deve promover a cobrança – exemplo os bairros Corujão, Furlan, Itatiaia, Tarcisão e Monte Pescoço. O Projeto deve retornar ao plenário para votação na sessão de terça-feira do próximo dia 12 de abril.

aud2Ainda na sessão plenária desta terça-feira (05), a vereadora Joscélia de Souza, a “Ju” (PT), apresentou duas proposições legislativas ao Poder Executivo Municipal requerendo a instalação de placas sinalizadoras denominando as travessas, ruas e avenidas do bairro Marotinho, objetivando facilitar as empresas e os Correios na promoção das entregas de encomendas aos seus moradores e, ainda requereu a construção de um abrigo de ônibus em frente à Policlínica de Itamaraju. Já o vereador José Augusto Santos Brito, o “Zé do Bolo” (PTB), apresentou uma indicação solicitando obras de pavimentação para a Rua Porto Seguro e para a Travessa Brumado, no bairro Cristo Redentor. (Por Athylla Borborema).

  Categorias: