Violência: marido de pastora assassinada desabafa e diz que ‘perdeu tudo, menos a graça do Senhor’

Violência: marido de pastora assassinada desabafa e diz que ‘perdeu tudo, menos a graça do Senhor’
22 janeiro 13:33 2016 Imprimir esta notícia

Começou na madrugada desta quinta-feira (21), o velório da pastora e professora Marcilene Sampaio Souza, morta a pedradas na última terça (19). O corpo de Marcilene foi velado na Igreja Evangélica Profetizando Vidas, no bairro Iracema, onde a pastora exercia o ministério com o seu esposo e também pastor Carlos Eduardo.

Em entrevista concedida para a TV Sudoeste, retransmissora da Globo naquela região, o esposo, que estava ao lado do caixão e sofreu várias agressões durante o sequestro, não escondia a emoção e revolta com a tragédia.“Eu perdi tudo, menos a graça do Senhor. Uma mulher educadora, pastora, tão querida por todos”, desabafou.

O sepultamento do corpo da pastora aconteceu às 16 horas, no Cemitério da Saudade. O corpo da sobrinha dela, também assassinada a pedradas, seguiu para São Paulo, onde ocorrerá o sepultamento. (Com informações do Blog do Anderson / Imagem: Reprodução TV Sudoeste)

  Categorias:

Comente a matéria

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.