Bebeu com a criminosa: Mulher é presa por matar pra roubar em Eunápolis

Elenilda Santos Alves, a “Nega”, de 37 anos, foi presa na manhã de sexta-feira, 17 de maio, pela Polícia Civil de Eunápolis, acusada de latrocínio (roubo seguido de morte), que vitimou Edimilson Guimarães, 45, crime ocorrido em 26 de abril de 2024, no bairro Parque da Renovação.

Bebeu com a criminosa: Mulher é presa por matar pra roubar em Eunápolis
Acusada foi encontrada pela polícia na casa de uma parente em Trancoso / Foto: Via 41

No curso das apurações a Polícia Civil de Eunápolis, através do Setor de Investigação (SI), serviço especializado da 23ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), comprovou que o objetivo principal da suspeita do crime, era roubar valores em dinheiro que a vítima havia sacado em agências bancárias.

Inicialmente, havia informações indicando que a vítima estivera envolvida em uma briga em um bar na noite anterior. No entanto, as diligências iniciais realizadas pelos policiais revelaram resultados diferentes.

As investigações, combinando depoimentos de testemunhas e análise de outros elementos informativos, apontaram para o objetivo principal da suspeita do crime era roubar o seu dinheiro, mostrado em parte à suspeita, que inclusive bebeu algumas doses de bebidas pagas pela vítima na noite anterior ao crime.

A investigada, segundo a polícia, optou por adotar medidas violentas durante a execução do roubo, resultando em latrocínio. Conforme atestado pelo laudo de necropsia, a vítima veio a óbito em decorrência de anemia aguda, causada por lesões provocadas por instrumento contundente, resultando em trauma fechado no tórax.

Diante dos fatos, o delegado Marcos Reis, responsável pelo caso, solicitou ao Poder Judiciário a prisão preventiva da mulher, que havia fugido da cidade. O pedido foi deferido.

A autora do crime havia fugido para a casa de uma irmão em Trancoso, distrito de Porto Seguro, onde foi localizada e presa pela 1ª Delegacia Territorial (DT) de Eunápolis.

As últimas informações dão conta que Elenilda Santos Alves, a “Nega”, de 37 anos, foi indiciada pelo crime de latrocínio, tipificado no Art. 157, §3º, II do Código Penal Brasileira (CPB) e vai permanecer presa à disposição da Justiça.

Polícia conclui que“Gangue de Gão” foi responsável por tiroteio que matou dois e feriu um durante evento festivo em Alcobaça

Polícia conclui que“Gangue de Gão” foi responsável por tiroteio que matou dois e feriu um durante evento festivo em Alcobaça

PM apreende drogas no bairro Redenção em Teixeira de Freitas; suspeito foge

PM apreende drogas no bairro Redenção em Teixeira de Freitas; suspeito foge